Questões de Comunicação Social do ano 2006

Quadros demonstrativos e caricaturas classificam-se como um sub-gênero da comunicação jornalística do tipo

  • A.

    utilitário.

  • B.

    opinativo.

  • C.

    ilustrativo.

  • D.

    comercial.

  • E.

    informativo.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Com relação à linguagem jornalística, analise as afirmativas abaixo.

I. Na linguagem jornalística, é permitida a criação de neologismos.

II. Na linguagem jornalística, podem ser incorporadas expressões populares e gírias que se generalizam.

III. A linguagem jornalística, hoje, caracteriza-se quanto à escolha dos itens léxicos e quanto aos procedimentos gramaticais.

Das afirmativas acima, está(ão) corretas(s)

  • A.

    I, II e III

  • B.

    I, apenas

  • C.

    I e II, apenas

  • D.

    I e III, apenas

  • E.

    II e III, apenas

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
As dimensões técnica, empresarial e política das organizações articulam-se com a vivência profissional dos jornalistas, que geralmente possuem alguns traços em comum, como por exemplo, cumprir todos os acordos com as fontes. Elas têm grande responsabilidade em reproduzir efeitos sociais, o que cabe não apenas aos jornalistas, mas a elas próprias. Qual é a característica que uma fonte não deve ter?
  • A. Ser pessoas desconhecidas para o grande público
  • B. Assumir um papel importante por serem donos da informação.
  • C. Continuar ajudando ao jornalista com as informações que tiver sobre determinada notícia.
  • D. Resistir às minuciosas checagens e cultivar o bom relacionamento com a mídia.
  • E. Prometer exclusividade à dois jornalistas, sem que um saiba da promessa feita ao outro.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Em uma reportagem o lead abrangente - o chamado lidão - consiste em:

  • A.

    abertura com todos os assuntos relevantes da matéria.

  • B.

    oferecer detalhes sobre o assunto mais importante.

  • C.

    abertura com bem mais espaço que o habitual.

  • D.

    usar o sublide para abordar o tema principal.

  • E.

    começar a matéria sem a preocupação com os temas relevantes.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Por editoração, compreende-se:

  • A.

    colação e edição de manuscritos, pelas quais um editor procede à normalização de textos autógrafos e escritos apócrifos;

  • B.

    atividade típica de um editor que, atento aos cuidados requeridos por uma edição, seleciona, colige e edita, tanto manuscritos, quanto textos impressos;

  • C.

    o conjunto de tarefas, levadas a termo por um editor, pelas quais este último supervisiona uma publicação de originais;

  • D.

    preparação filológica e normalização textual das quais um editor se encarrega com a finalidade de proceder à edição princeps de uma obra;

  • E.

    empenho profissional de um editor em produzir e fazer editar uma edição fac-similar ou diplomática, preservando a fidelidade a um texto manuscrito.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Considere a afirmativa a seguir. O hipertexto simula o pensamento e supera a linearidade que caracteriza o viés tecnológico da tipografia.
  • A.

    A afirmação não está correta, pois o viés tecnológico da tipografia é a decifração da imagem ou mancha, conforme a linguagem gráfica especializada.

  • B.

    A afirmação está parcialmente correta já que não podemos esquecer que pensamos hoje da mesma forma como lemos decifrando a realidade de forma lógica, dedutiva e portanto linear.

  • C.

    A afirmação está correta.

  • D.

    Na era tipográfica a maior parte das pessoas ainda era majoritariamente analfabeta. Em decorrência, o viés tecnológico da tipografia era ainda o da oralidade a imaginação, a mitologia, a moral da história e o ritual religioso.

  • E.

    As alternativas b e d estão corretas.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Em 1965, Truman Capote publicou a obra A Sangue Frio . Baseado em fatos reais e nos quais narrava o misterioso assassinato da Família Clutter ocorrido em Holcomb, Kansas, Estados Unidos, o livro introduziu um estilo
  • A.

    que poderia ser chamado de jornalismo informativo cujo produto final sempre é a notícia.

  • B.

    que poder ia ser chamado de jornalismo opinativo, cujo produto final sempre é a crônica, o editorial , o artigo de fundo ou ainda o colunismo e a crítica.

  • C.

    que poderia ser chamado de novela de não-ficção que inspiraria em boa medida o Novo Jornalismo..

  • D.

    que poderia ser chamado de jornalismo popular com elementos narrativos que apelam ao paladar dramático das populações.

  • E.

    que poderia ser chamado de jornalismo literário como é o caso do fenômeno da pasquinagem no Brasil.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Segundo o Manual de Redação e Estilo do jornal O Estado de S. Paulo (adotado em muitas redações e assessorias de imprensa que não possuem manual próprio ou possuem um manual mais modesto), como regra geral (ignorando as exceções), os números devem ser redigidos da seguinte forma:
  • A. Cardinais: de um a vinte, por extenso; a partir de 21, inclusive, em algarismos (Ex.: um, quinze, vinte, 21 , 40 , 70). Ordinais: sempre por extenso (Ex.: primeiro, décimo quinto, vigésimo, vigésimo primeiro, quadragésimo, septuagésimo)
  • B. Cardinais: de um a cem, por extenso; a partir de 101, inclusive, em algarismos (Ex.: um, quarenta e cinco, cem, 101 , 235 , 700). Ordinais: sempre por extenso (Ex.: primeiro, quadragésimo quinto, centésimo, centésimo primeiro, ducentésimo trigésimo quinto, setingentésimo).
  • C. Cardinais: de um a dez, por extenso; a partir de 11, inclusive, em algarismos (Ex.: um, dois, dez, 11, 35, 70). Ordinais: sempre em algarismos (Ex.: 1º, 2º, 10º, 11º, 35º, 70º).
  • D. Cardinais: de um a dez, por extenso; a partir de 11, inclusive, em algarismos (Ex.: um, dois, dez, 11, 35, 70). Ordinais: da mesma forma (Ex.: primeiro, segundo, décimo, 11º, 35º, 70º).
  • E. Cardinais: de um a dez, por extenso; a partir de 11, inclusive, em algarismos (Ex.: primeiro, segundo, décimo, 11º, 35º, 70º). Ordinais: da mesma forma (Ex.: um, dois, dez, 11, 35, 70).
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considerando as fases de formulação, implementação e avaliação das políticas públicas, julgue os itens a seguir.

No estudo para a implementação de políticas públicas, o enfoque top down é dos menos eficazes porque parte do princípio de que todas as políticas se implantam com sucesso e que o erro é sempre de formulação.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considerando as fases de formulação, implementação e avaliação das políticas públicas, julgue os itens a seguir.

Somente para fins analíticos é que se estabelecem distinções entre o processo de formulação e as demais fases das políticas públicas: a implementação e a avaliação.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: