Questões de Clínica Geral

Pesquise mais Questões de Clínica Geral abaixo,

Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

No que se refere à pancreatite aguda, assinale a alternativa correta.

  • A. Amilase e lípase séricas encontram-se elevadas nas primeiras 24 horas em 90% dos casos, com valores superiores a mais de três vezes o limite normal.
  • B. O tratamento da doença leve, no quadro agudo, envolve dieta branda e controle da dor, estando contraindicado absolutamente o uso de meperidina nesses pacientes, pelas prováveis complicações que esse medicamento pode causar.
  • C. Náuseas e vômitos não costumam ocorrer. A febre pode ser observada e, quando ocorre, é baixa.
  • D. A dor epigástrica é, em geral, de início gradual, progressivo, melhorando ao caminhar e quando deitado em posição supina, e piorando quando sentado e ao seinclinar para frente.
  • E. A amilase, além de ser mais precisa para o diagnóstico de pancreatite aguda, permanece elevada por mais tempo quando comparada à lípase.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

Acerca de pneumonias, assinale a alternativa correta.

  • A. A pneumonia adquirida na comunidade (PAC) é condição diagnosticada fora do ambiente hospitalar em pacientes ambulatoriais, mas que podem ser residentes em asilos ou outras instituições de cuidados médicos de longo prazo.
  • B. Com relação às pneumonias bacterianas, o agente identificado com mais frequência é a Klebsiella pneumoniae.
  • C. Os pacientes com PAC sempre se apresentam com febre de início progressivo, tosse com produção de escarro e dispneia, que são achados inerentes a todas as pneumonias.
  • D. No exame físico, a ausculta pulmonar frequentemente demonstra a presença de estertores inspiratórios e ruídos respiratórios brônquicos.
  • E. Os exames de imagem do tórax são imprescindíveis, pois, além de confirmar o diagnóstico de PAC, são sempre capazes de identificar uma causa microbiológica específica.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

Quanto à doença pulmonar obstrutiva crônica, assinale a alternativa correta.

  • A. O paciente tipo B, isto é, o pletórico azul (blue bloater), que apresenta predomínio de bronquite, no que tange à ventilação noturna, apresenta dessaturação de oxigênio em grau leve à moderado, geralmente não associado à apneia obstrutiva do sono.
  • B. O paciente tipo A, isto é, o soprador rosado (pink puffer), que apresenta predomínio de enfisema, no que tange à ventilação durante o exercício, apresenta diminuição da ventilação-minuto para o nível de oxigênio consumido. Ainda, a PaO2 pode subir e a PaCO2 pode aumentar significativamente.
  • C. A espirometria é exame importante, pois fornece informações objetivas sobre a função pulmonar e permite avaliar os resultados do tratamento.
  • D. Os broncodilatadores modificam o declínio da função pulmonar, impedindo sua progressão, e oferecem aos pacientes a melhora dos sintomas, a tolerância da doença e, em alguns casos, a cura definitiva.
  • E. A teofilina oral é considerada agente de primeira linha para o tratamento dos pacientes com DPOC.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

Acera da insuficiência cardíaca congestiva, assinale a alternativa correta.

  • A. Os sinais de retenção de líquidos são encontrados apenas na insuficiência cardíaca esquerda. Os pacientes com insuficiência cardíaca direita apresentam sintomas de baixo débito cardíaco e pressão venosa pulmonar aumentada.
  • B. Em geral, para a maioria dos pacientes sintomáticos, a combinação de diurético e inibidor da ECA deve ser o tratamento inicial.
  • C. O ecocardiograma é exame útil, pois revela o tamanho e a função dos átrios e ventrículos, todavia, não permite detectar derrame pericárdico e anormalidades valvares, exigindo sempre outros exames adicionais.
  • D. Nos raios X de tórax, os pacientes com insuficiência cardíaca crônica apresentam sempre vasculatura pulmonar alterada, causada pelas pressões acentuadas, mostrando achados, tais como dilatação das veias do lobo superior, edema perivascular e intersticial e líquido alveolar.
  • E. A cardiomegalia é achado não significativo, pois não se relaciona com prognóstico.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

Acerca de crises convulsivas, assinale a alternativa correta.

  • A. Crises de ausência pura devem sempre ser tratadas exclusivamente com oxcarbamazepina.
  • B. Crises conversivas podem ser confundidas com epilepsia.
  • C. A medicação padrão ouro para tratamento da epilepsia de início generalizado é a etossuximida, usada isoladamente.
  • D. O uso de benzodiazepínicos está contraindicado no estado de mal epiléptico.
  • E. A gabapendina, indicada apenas para crises convulsivas generalizadas, causa hiperplasia gengival como efeito colateral em mais de 90% dos casos.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

A respeito do tratamento da diabetes mellitus (DM), assinale a alternativa correta.

  • A. As sulfonilureiais têm como mecanismo de ação o retardo na absorção de carboidratos.
  • B. A nateglidina aumenta a captação de glicose e inibe a glicogenólise.
  • C. A metformina, apesar de gerar bons resultados no manejo da DM, causa risco cardiovascular aumentado.
  • D. O único grupo de antiglicemiantes indicado para uso em gestantes, em portadores de doença hepática e em pacientes com alto risco de fraturas são as glitazonas.
  • E. As glitazonas aumentam a sensibilidade à insulina no músculo e tecido adiposo.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: HUPES - UFBA/BA, Cargo: Médico

Com relação aos fármacos utilizados no tratamento da hipertensão arterial sistêmica, assinale a alternativa correta.

  • A. Os diuréticos tiazídicos são anti-hipertensivos efetivos, reduzindo a hipertensão arterial apenas com a diminuição do volume plasmático, não apresentando outro efeito no tratamento em longo prazo.
  • B. A hidroclorotiazida apresenta vantagem de proporcionar melhor controle da pressão nas 24 horas, quando comparada à clortalidona.
  • C. A administração de diuréticos tiazídicos em longo prazo reduz a perda mineral óssea em mulheres sob o risco de osteoporose.
  • D. Em populações como negros, idosos, obesos e em outros grupos com aumento do volume plasmático ou baixa atividade plasmática da renina (ou ambos), os diuréticos são menos potentes quando comparados aos betabloqueadores e inibidores da ECA.
  • E. Diferentemente do que ocorre com os BRA, os inibidores da ECA não apresentam angioedema, hipotensão, tontura e exantema como efeitos adversos. Por outro lado, a vantagem dos BRA é a não ocorrência de hiperpotassemia e disfunção renal.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: SES/DF, Cargo: Médico

A parada da inspiração devido a dor durante a compressão do ponto cístico é denominada sinal de Murphy e está presente na(o)

  • A. apendicite.
  • B. litíase renal.
  • C. colecistite.
  • D. tumor pancreático.
  • E. úlcera péptica terebrante.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: SES/DF, Cargo: Médico

Com relação ao tratamento do choque hipovolêmico, assinale a alternativa correta.

  • A. Há benefício do uso de albumina.
  • B. Soluções salinas geralmente são preferidas para o tratamento de pacientes com depleção de volume grave de causa não hemorrágica.
  • C. Soluções coloides são mais efetivas na preservação da função pulmonar.
  • D. O objetivo do tratamento é chegar a um hematócrito mínimo de 25%.
  • E. Os cristaloides restauram o volume intravascular mais rapidamente que os coloides.
Sua resposta é:
Questões de Medicina Clínica Geral
Ano: 2014, Banca: IADES, Concurso: SES/DF, Cargo: Médico

No procedimento de ressuscitação cardiopulmonar, a qualidade das compressões torácicas é fundamental. Considerando esse cenário, assinale a alternativa correta.

  • A. Quanto mais rápida a frequência de compressão, melhor o resultado.
  • B. Deve-se manter uma frequência menor para idosos.
  • C. Interrupções de até 30 segundos ajudam no retorno venoso, melhorando a efetividade.
  • D. Comprimir o tórax ao menos 5 centímetros, a cada compressão, é o ideal.
  • E. Na ausência do pulso arterial carotídeo, a manobra deve ser interrompida.
Sua resposta é: