Questões sobre Avaliação Psicológica

Joana, de três anos de idade, acompanhada da mãe, foi submetida a uma avaliação médica. Durante o procedimento, o pediatra responsável, ao conversar com a mãe, desconfiou de maus-tratos e histórico de violência contra a criança. Por essa razão, o médico tomou as medidas cabíveis junto aos órgãos responsáveis, o que acarretou a instauração de processo judicial no qual o juiz buscou avaliar, essencialmente, a condição psicológica da criança, o regime de guarda, a existência de maus-tratos e seus possíveis efeitos. Assim, ele requereu que fosse realizada avaliação psicológica do caso, enfocando, entre outros aspectos, a condição psicológica da mãe e do pai nos cuidados com a criança, tendo em vista que a mãe, em depoimento, havia alegado suspeitar de prática de maus-tratos na criança pelo pai, que tem a guarda unilateral de Joana em razão de necessidades da mãe de internação e submissão a tratamento de depressão pós-parto.

Com referência a essa situação hipotética, julgue os itens a seguir.

Para atender à determinação judicial, o psicólogo poderá utilizar os mesmos métodos de investigação da esfera clínica.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A psicóloga Beth atendia uma família em terapia familiar sistêmica, em que o par conjugal estava em uma relação distante e semimorta. No intuito de romper a homeostase familiar patológica e oportunizar aos membros da família o aparecimento de sentimentos, pensamentos e padrões novos de conduta e percepção, utilizou-se de uma técnica recomendando a continuidade do sintoma, com a expectativa de que ele viesse a se tornar egodistônico e indesejável. Recomendou que os filhos continuassem a apresentar problemas, o que obrigava os pais a se manterem preocupados com eles, evitando a dor maior de se confrontar com o vazio de sua relação e o risco de separação conjugal. A técnica utilizada foi
  • A. diálogo inesperado.
  • B. confrontação situacional.
  • C. impacto transformador.
  • D. prescrição paradoxal.
  • E. aconselhamento invertido.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O tipo de entrevista que busca elaborar uma história clínica, definir hipóteses de diagnóstico e a indicação terapêutica é denominada de Entrevista
  • A. institucional
  • B. retrospectiva.
  • C. de Focalização.
  • D. de Triagem.
  • E. motivacional.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Conforme o modelo interpretativo de Murray, na análise de conteúdo do Teste de Apercepção Temática − TAT, o psicólogo desmembra cada história nos conteúdos expressos no tema central, chegando à identificação do herói, ao reconhecimento de seus motivos, tendências e necessidades, à exploração de seus estados interiores, ao exame das pressões
  • A. identificadas e tendências gerais.
  • B. multideterminadas e do universo pessoal.
  • C. autoimpostas e aspectos dissociativos.
  • D. autoimpostas e do universo pessoal.
  • E. ambientais e do desfecho.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Na bateria de testes, utilizada em um psicodiagnóstico,
  • A. não é necessário o emprego de mais de um teste para buscar uma validação intertestes dos dados obtidos.
  • B. nenhum teste, isoladamente, pode proporcionar uma avaliação abrangente da pessoa como um todo.
  • C. para se chegar a inferências clínicas não é necessário preocupar-se com margem de erro em testes de personalidade.
  • D. toda avaliação psicológica deve incluir, pelo menos, a aplicação de quatro testes psicológicos.
  • E. está designada a aplicação de um teste psicológico.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Para Jurema Alcides Cunha, estudiosa do Psicodiagnóstico, um dos objetivos da avaliação psicológica clínica é o entendimento dinâmico, que pode ser considerado, em sentido lato, uma
  • A. forma de avaliação compreensiva, já que enfoca a personalidade de maneira global, mas pressupõe um nível mais elevado de inferência clínica.
  • B. classificação nosológica, testando hipóteses iniciais e tomando como referência critérios diagnósticos.
  • C. investigação mais superficial, embora sejam sempre consubstanciados pelos passos específicos do psicodiagnóstico.
  • D. abordagem prognóstica, que determina o curso provável do caso.
  • E. proposta de exame do estado mental do paciente, de competência exclusiva do psicólogo, frequentemente realizado sem aplicação de testes.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
É uma intervenção estruturada muito utilizada atualmente no tratamento de comportamentos considerados aditivos, que tem por objetivo principal auxiliar nos processos de mudanças comportamentais, trabalhando a resolução da ambivalência. Trata-se da Entrevista
  • A. Institucional.
  • B. de Triagem.
  • C. Devolutiva.
  • D. Retrospectiva.
  • E. Motivacional.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Os testes projetivos proporcionam obter informações sobre diferentes níveis de funcionamento da personalidade e, para isso, são oferecidos ao examinando estímulos
  • A. ordenados de tal modo que o examinando discorra sobre os temas oferecidos, mantendo-se engajado na tarefa, sem dispersar-se.
  • B. estruturados, com o objetivo de conseguir informações sobre temas específicos do mundo objetivo do examinando.
  • C. convencionais, a partir dos quais o indivíduo informa sobre suas preferências em relação a temáticas específicas.
  • D. pouco estruturados, que ele organizará em conformidade com aspectos de seu mundo interno.
  • E. sequenciais que induzem o examinando a expressar conteúdos relativos aos temas propostos, de modo estruturado.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Para Jurema Alcides Cunha, a escolha de testes que serão utilizados em um processo psicodiagnóstico corresponde a uma das etapas do estabelecimento de um plano de ação e que se deve ter em conta que
  • A. um teste, desde que bem apropriado ao que se quer avaliar, torna-se suficiente para o processo de avaliação psicológica.
  • B. nenhum teste, isoladamente, pode proporcionar uma avaliação abrangente da pessoa como um todo.
  • C. um teste projetivo é suficiente para a obtenção de dados em um plano psicodiagnóstico.
  • D. um teste de inteligência deve sempre estar incluído na bateria de testes de escolha do psicólogo, pela importância que tem a avaliação cognitiva.
  • E. é desnecessária a validação intertestes, já que cada instrumento já passou por estudo detalhado antes de sua liberação para uso.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A respeito de avaliação psicológica e dos instrumentos de avaliação, julgue os itens seguintes. Os testes psicológicos são instrumentos de avaliação ou mensuração de características psicológicas e psiquiátricas que constituem um método ou técnica de uso privativo do psicólogo.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: