Questões de Língua Portuguesa da COPEVE/UFAL

Sobre os versos, assinale a alternativa correta.

  • A. A estrutura formal, que rebusca o dramático, é peculiar aos gêneros orais associados à poesia.
  • B. O formato narrativo desconstrói os prenúncios líricos. Esse fenômeno leva a autora a um distanciamento de seu mundo íntimo.
  • C. O foco narrativo é a marca principal da metalinguagem no poema; assim, as constituições líricas abdicam da 1ª pessoa e de suas subjetividades.
  • D. De caráter lírico, os versos de Florbela Espanca estabelecem conexões entre as formas sensíveis de um universo vivido e as subjetividades que compõem seu estado de alma.
  • E. As abstrações representam a distância entre o mundo e a autora. Por isso, a significação dos versos distanciam-se também das possibilidades líricas em função de uma busca por elementos épicos.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

O trecho do livro A terra dos meninos pelados evidencia elementos que podem ser considerados marcas de uma obra infantojuvenil. Assinale a alternativa que justifica essa afirmação.

  • A. O autor fundamenta a linha mestra da obra nas configurações da realidade e desconsidera os prenúncios do imaginário.
  • B. Vê-se uma passagem do mundo real ao mundo imaginário, o que naturalmente resulta em construções imaginárias e fantásticas.
  • C. O rigor formal na construção das sentenças institui a ligação entre o mundo real e o mundo imaginário do menino Raimundo.
  • D. A obra está completamente associada ao imaginário e desconectada dos conflitos humanos que inspiram a noção de real e de onírico.
  • E. A obra é elaborada a partir do onírico e do inebriante; portanto, a realidade se apresenta em prenúncios esfumaçados de um mundo distante.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa que apresenta uma reescritura do verso destacado no poema, sem danos à norma culta.

  • A. Ao fim do mundo, eu preciso assistir a ele.
  • B. O fim do mundo, eu preciso assistir-lhe.
  • C. Eu preciso constatar ao fim do mundo.
  • D. Eu quero presenciar ao fim do mundo.
  • E. O fim do mundo, eu preciso ver-lhe.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Segundo o texto, é tarefa do professor de Língua Portuguesa:

  • A. tentar levar o aluno a uma adesão de uma língua a ser escrita e falada.
  • B. valorizar sua categoria, tornando-se, sobretudo, um investigador de sua prática docente.
  • C. responsabilizar-se de produzir ciência, tornar-se apenas um mero transmissor de conhecimento.
  • D. construir técnicas de decodificação de sinais e praticá-las, ajudando, assim, a escola na inclusão social.
  • E. modificar sua prática, construir-se como sujeito leitor e propiciar condições para formação de leitores.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Como se pode observar, os versos de Humberto Teixeira apresentam termos que se associam à forma gráfica e fonética peculiar a uma determinada classe social e a um contexto regionalizado. Levando em conta a opinião de Marcos Bagno, o professor de Língua Portuguesa, ao trabalhar esses versos em sala de aula, deve

  • A. instituir um método de estudo que priorize os aspectos gráficos dos termos, independentemente das formas sonoras regionalizadas.
  • B. mostrar as diferenças entre as regionalidades linguísticas; todavia, priorizar a produção de textos fundamentados na forma correta e padrão da língua.
  • C. reescrevê-los na forma culta e mostrar aos alunos que a aprendizagem dessa modalidade linguística é obrigatória, principalmente para situações de comunicação.
  • D. explorar as diferenças gráficas e fonéticas dos termos no contexto das modalidades linguísticas, abdicando de ressaltar as correlações de força que instituem os estratos sociais.
  • E. ressaltar os aspectos linguísticos em sua diversidade para que o aluno compreenda que, nas correlações das forças sociais, as variáveis não devem passar pelo crivo do certo ou do errado, mas do útil e significativo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Dadas as afirmativas em relação ao poema,

I. A repetição dos termos e o uso de letras maiúsculas sugerem o imenso pavor do eu lírico diante da nuvem que se avoluma e da força do vento.

II. No contexto poético, o vento é personificado, pois o eu lírico lhe confere ações humanas. Assim, fica evidente o uso da linguagem conotativa.

III. O autor explora a repetição enfática de uma ou mais palavras no início dos versos, o que caracteriza a figura de linguagem denominada anáfora.

IV. No final do poema, o verso “Que não se sabe” é mudado por “Que bem se sabe”. Essa alteração significa que o eu lírico continuará temendo a nuvem e o vento.

verifica-se que estão corretas apenas

  • A. I e II.
  • B. II e IV.
  • C. III e IV.
  • D. I, II e III.
  • E. I, III e IV.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Em se tratando dos aspectos estruturais e das estratégias discursivas utilizadas pelo autor do texto, é válido afirmar que

  • A. há, no contexto, relatos de fatos reais e cotidianos associados a análises sentimentais e conflitos internos.
  • B. há, no contexto, predominância de traços descritivos mesclados a comentários interpretativos do autor.
  • C. o segundo parágrafo apresenta, inicialmente, um conectivo de conclusão, representado pela conjunção “porém”, que estabelece uma relação de dedução, de fecho.
  • D. o ponto de interrogação em: “Como isso ocorre e qual o papel do educador na formação desse leitor escritor?” pontua a formulação de uma pergunta, cuja resposta se encontra no primeiro parágrafo.
  • E. há, no texto, opção em usar expressões que aludem à abordagem temática do tipo bilateral quando se escreve: “[...] Por um lado, o jovem tem cada vez mais textos à sua frente, quando acessa uma mídia social. Por outro lado, ainda há muitas dificuldades [...]”.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considerando as características predominantes, o gênero textual

  • A. é seguramente uma reportagem em que se observam argumentos do autor.
  • B. se enquadra no tipo narrativo, uma vez que há predomínio de sequências descritivas.
  • C. foi totalmente explicitado no recorte apresentado, já que diz respeito a um artigo de opinião.
  • D. é uma notícia, já que narra um fato verídico, com informações sobre a necessidade de se ensinar os limites do consumo.
  • E. é delimitado pela esfera do campo opinativo, uma vez que defende o ponto de vista de que é preciso haver limites para o consumo, por meio de três argumentos básicos.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

A respeito das ações enumeradas no texto, verifica-se que

  • A. somente três, das nove ações, classificam-se como verbos de ligação.
  • B. somente três, das nove ações, classificam-se como verbos intransitivos.
  • C. somente sete, das nove ações, assemelham-se quanto à transitividade verbal.
  • D. somente oito, das nove ações, apresentam sintaticamente a mesma transitividade verbal.
  • E. as nove ações apresentam sintaticamente a mesma transitividade verbal.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Língua Portuguesa - Pronome - COPEVE/ UFAL - 2017 - Prefeitura de Maceió - AL - Analista de Controle Interno

No texto, a palavra destacada que é

  • A. conjunção integrante, sem função nos versos.
  • B. conjunção integrante, introduzindo orações substantivas.
  • C. pronome relativo com função de complemento nominal.
  • D. pronome relativo com função de objeto direto.
  • E. pronome relativo com função de sujeito.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: