Questões sobre Morfologia

Considerando o período “Entre as características de um bom profissional, a ética e a honestidade são fundamentais.” (linhas 24 e 25), assinale a alternativa que classifica corretamente os vocábulos sublinhados, na ordem em que aparecem no trecho.
  • A. Preposição, adjetivo, artigo e substantivo.
  • B. Pronome, adjetivo, preposição e substantivo.
  • C. Advérbio, pronome, artigo e advérbio.
  • D. Conjunção, substantivo, artigo e adjetivo.
  • E. Interjeição, substantivo, artigo e adjetivo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Assinale a alternativa em que a palavra que é de uma classe gramatical diferente das demais ocorrências.
  • A. que não tiveram oportunidade (l.11).
  • B. que querem ser professores (l.16).
  • C. que só concluíram (l.18).
  • D. que era essa a carreira (l.25).
  • E. que o ajudou (l.28).
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
As palavras “nosso”, “idioma” e “estranhas” são respectivamente:
  • A. advérbio, substantivo e adjetivo;
  • B. substantivo, verbo e advérbio;
  • C. pronome, substantivo e adjetivo;
  • D. advérbio, adjetivo e substantivo;
  • E. pronome, advérbio, adjetivo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Com relação ao domínio da estrutura morfossintática do período, assinale a alternativa correta.
  • A. Na linha 3, é correto substituir os dois-pontos por travessão, visto que ambos são empregados na introdução de uma explicação.
  • B. No trecho “cada integrante saiba qual é a sua parte no grupo” (linhas 3 e 4), o sinal indicativo de crase é opcional no termo sublinhado.
  • C. Em “Trata-se de uma sensação de comunidade em que todos se conhecem” (linhas 15 e 16), tem-se um caso de próclise e outro de ênclise, nessa ordem..
  • D. Na linha 20, no período “Temos de ser e não esperar ser”, verifica-se uma relação de coordenação sindética conclusiva entre as orações.
  • E. Na oração “Equipes que encorajam esse tipo de prática” (linha 25), a oração sublinhada é explicativa.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O termo “que” dos segmentos em destaque apresenta-se com classificação morfológica DIFERENTE dos demais em:
  • A. “[...] não é a observação que produz [...]”
  • B. “[...] já a droga que a curou não cura [...]”
  • C. “Não se pode compreender que drogas eficazes [...]”
  • D. “Há de haver uma razão que explique tamanha ruína.”
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Identifique o item em que a classificação do termo sublinhado, a respeito da classe gramatical, está correta.
  • A. A tecnologia está definitivamente presente na vida cotidiana. (Parágrafo 01)- adjetivo
  • B. O problema, dizem os especialistas, é o usuário conseguir diferenciar a dependência do uso considerado normal. (Parágrafo 03) – Verbo
  • C. A linha que separa o uso do abuso é tênue. (Parágrafo 04) – Adjetivo
  • D. A pesquisadora é a pioneira no estudo científico da nomofobia, nome cunhado na Inglaterra para descrever o medo de ficar sem celular (no + mobile + fobia). (Parágrafo 05) – Advérbio
  • E. — Isso pode indicar que a pessoa está com algum problema que precisa ser investigado. (Parágrafo 07) – Pronome relativo
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O léxico de uma língua é formado por palavras que são acrescidas a ele das mais diversas formas. A respeito dos processos de formação de palavras, bem como do emprego destas e das classes às quais pertencem, assinale a alternativa correta.
  • A. O uso da palavra “sniper” (linha 1), de origem inglesa, é desaconselhado no texto, uma vez que há uma expressão, “atirador de elite”, correspondente na língua portuguesa.
  • B. A expressão “de elite” (linha 1) pertence à mesma classe gramatical da palavra “incrível”, encontrada na mesma linha.
  • C. O processo de sufixação, encontrado em “habilidade” (linha 1), pode também ser encontrado em “horas” (linha 4), na formação do plural da palavra hora.
  • D. Caso a palavra “sniper” fosse dicionarizada em português, ter-se-ia um exemplo claro de derivação imprópria como processo de formação de palavra.
  • E. Na linha 15, o vocábulo “folhagens” é uma palavra derivada da palavra folha, fato comprovado pelo compartilhamento do radical [folh-].
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Avalie as afirmações sobre os aspectos morfossintáticos dos períodos citados.

I. Em "Um texto prolixo é aquele que apresenta palavras em excesso para expressar poucas ideias", ao pronunciarmos a palavra destacada, de sete letras, produzimos oito sons.

II. Na sentença "Especialistas têm refletido sobre haver prioridade no combate às fake news, pois há razões bastante para o público leitor se preocupar com os estragos que elas causam", identifica-se um erro de concordância".

III. A sentença "Por meio de um comunicado oficial e após decisão unânime, A FIFA aprovou o uso do VAR, sistema de árbitro de vídeo, em todos os jogos da Copa do Mundo de 2018" constitui um período simples.

IV. No período "Há ainda algumas dúvidas de que a ozonioterapia seja eficaz no tratamento de muitas doenças", a oração destacada exerce a função de um objeto indireto.

V. Em "A anamnese, entrevista feita pelo profissional quando da realização da consulta, é muito importante como uma etapa do exame clínico para o diagnóstico da febre amarela", caso se separe em sílabas a palavra em destaque, temos: ANAM-NE-SE.

Está correto apenas o que se afirma em

  • A. I, III e V.
  • B. I, II e III.
  • C. II , IV e V.
  • D. II, III e IV.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Em relação à morfologia na Língua Portuguesa, analise as frases a seguir e assinale aquela que apresenta explicação coerente de acordo com a classe de palavra que se encontra e seu emprego no contexto, tendo em vista os termos destacados.
  • A. Na frase “As crianças não deveriam vir com a missão de consertar casamento [...]”, o termo destacado é uma preposição que conecta os termos da frase em uma relação de subordinação.
  • B. Na frase “Na verdade, sem perceber, os pais estão falando do amor por eles mesmos e não do amor pelos filhos.”, a palavra destacada é um verbo conjugado no tempo futuro do subjuntivo.
  • C. Em “Ele desenvolveu um conceito chamado narcisismo primário para explicar aquela fase da criança onde ela investe toda a sua energia libidinal para si mesma [...]”, a palavra destacada é um pronome demonstrativo.
  • D. A frase “Freud escreveu que a chegada do filho traz toda aquela carga psíquica do que já fomos um dia na infância [...]” apresenta uma conjunção subordinativa na palavra destacada.
  • E. Na frase “Se quisermos ter filhos éticos, talvez devamos praticar a ética antes mesmo de eles existirem.”, a palavra destacada é uma conjunção coordenativa.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O item abaixo em que os dois vocábulos citados NÃO fazem parte da mesma família de palavras é:
  • A. falir / falência;
  • B. provir / provisão;
  • C. deter / detenção;
  • D. dispensar / dispensa;
  • E. fugir / fuga.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: