Questões sobre Pronome

Julgue os seguintes itens, a respeito das ideias e das construções linguísticas do texto apresentado.

As formas pronominais “Estas” (ℓ.4) e “las” (ℓ.7) referem-se a “necessidades dos seres humanos” (ℓ. 2 e 3).
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Os pronomes de tratamento (ou de segunda pessoa indireta) apresentam certas peculiaridades quanto à concordância verbal, nominal e pronominal. Embora se refiram à segunda pessoa gramatical (à pessoa com quem se fala, ou a quem se dirige a comunicação), levam a concordância para a terceira pessoa. Tendo por base o enunciado acima, imagine que um agente administrativo, cumprindo suas tarefas rotineiras, se depara com a autoridade ocupante do cargo mais elevado do poder executivo municipal. Tal autoridade, após cumprimentá-lo, dirige a ele uma pergunta. Entretanto, o agente não o ouve. Assim sendo, a forma adequada para pedir a repetição da pergunta é:
  • A. Desculpe-me, sua excelência poderia repetir, por favor?
  • B. Desculpe-me, vossa excelência poderia repetir, por favor?
  • C. Me perdoe, vossa autoridade poderia refazer a pergunta?
  • D. Perdoe-me, vossa pessoa poderia repetir, por gentileza?
  • E. Perdão, vossa senhoria poderia repetir, por favor?
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

A alternativa que contém o item coesivo que substitui o destacado no trecho acima é

  • A. que
  • B. em cujo
  • C. em quais
  • D. naquelas
  • E. nas quais
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
No que tange à classificação do vocábulo “que” na oração “‘Soluções que fazem bem para todos’” (linhas 15 e 16), assinale a alternativa correta.
  • A. Conjunção coordenativa aditiva
  • B. Pronome indefinido
  • C. Pronome relativo
  • D. Conjunção subordinativa integrante
  • E. Partícula de realce
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Quanto à classificação gramatical do termo “você”, assinale a alternativa correta.
  • A. Preposição acidental
  • B. Pronome de tratamento
  • C. Conjunção integrante
  • D. Interjeição
  • E. Substantivo abstrato
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Assinale a alternativa INCORRETA acerca de elementos presentes no texto.
  • A. O pronome se (l.02) indica que a ação expressa pelo verbo da oração se reflete no seu próprio sujeito.
  • B. A expressão até mesmo (l.03) poderia ser substituída por “inclusive” sem afetar a semântica e a correção gramatical da frase em que está inserida.
  • C. A palavra só (l.18) poderia ser substituída por “somente”, sem causar prejuízo semântico ao contexto.
  • D. O pronome onde (l.22) poderia ser substituído por “em que” sem alterar o sentido e a correção da frase.
  • E. O pronome oblíquo o (l.28) retoma a expressão projeto de Literatura (l.27).
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Língua Portuguesa - Pronome - Banca não informada - 2019 - Conselho Regional dos Representantes Comerciais - SP (CORE/SP) - Analista de TI (Área de Formação: Ciência da Computação)

Em relação aos padrões gerais de colocação pronominal no português, a utilização do pronome oblíquo átono em “O número deve crescer ainda mais nos próximos anos, uma vez que se trata de uma área que dá oportunidade de desenvolvimento pessoal aos mais variados perfis de pessoas” está:
  • A. Correta, pois se refere a um advérbio.
  • B. Incorreta, pois se refere a um pronome átono.
  • C. Correta, pois sucede uma conjunção subordinativa.
  • D. Incorreta, pois está em uma oração reduzida de infinitivo.
  • E. Correta, pois está diante de uma oração optativa.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considerando os mecanismos de coesão no texto, julgue os itens de 5 a 7 quanto à correta correspondência entre o termo destacado e o respectivo elemento de referência.

“o mesmo” (linha 8): “já ter batido em uma mulher” (linha 8).
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considere o trecho final do texto:

Por exemplo, o artigo definido feminino “a” não pode ser usado em determinadas situações, o que, por exclusão, nos leva ao raciocínio de que o “a” da construção é apenas a preposição “a”.

Assinale a alternativa em que a primeira frase confirma e a segunda frase nega o contido na passagem final do texto.

  • A. Quando cheguei à repartição, percebi que ali foram feitas algumas mudanças. / A nova funcionária foi encaminhada à direção do setor.
  • B. Durante a reunião do departamento, lemos, com atenção, a ata da anterior. / Emprestei o livro importado a quem não deveria.
  • C. Oferecemos a todos os participantes do evento um exemplar do livro. / Na reunião, eles se referiram a essa nova lei.
  • D. Analisando a documentação, conclui-se que está tudo em ordem. / Pedimos atenção à nova legislação do condomínio.
  • E. Encontrei o autor a cujo livro nos referimos na última bienal. / A foto do acidente à qual tive acesso me deixou chocada.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Língua Portuguesa - Pronome - Banca não informada - 2019 - Conselho Regional dos Representantes Comerciais - SP (CORE/SP) - Analista de TI (Área de Formação: Ciência da Computação)

A leitura do texto permite afirmar que NÃO há, morfologicamente, a presença de pronome em:
  • A. Desde que iniciei minha jornada de negócios.
  • B. Fazendo com que muitas pessoas consigam vencer.
  • C. Como para quem já tem experiência profissional.
  • D. 5% de participação nas vendas diretas de todo o mundo.
  • E. As pessoas que o realizam de forma profissional.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: