Questões de Farmácia da UFRJ

O estoque anual de alfaepoetina 4.000 UI da farmácia de uma unidade hospitalar são sessenta frascos-ampola. Na unidade há dois pacientes em uso do medicamento, três vezes por semana. Um paciente portador de insuficiência renal crônica é internado com diagnóstico de anemia e o médico assistente prescreve alfaepoetina 4.000 UI, uma vez por dia. Visando a evitar desabastecimento, o farmacêutico que recebe esta prescrição deve disponibilizar ao prescritor procedimentos para atendimento da demanda:
  • A. pelo Componente Especializado da Assistência Farmacêutica.
  • B. pelo Componente Estratégico da Assistência Farmacêutica.
  • C. pelo Componente da Atenção Básica da Assistência Farmacêutica.
  • D. através de compra emergencial pela Central de Abastecimento Farmacêutico.
  • E. através de troca ou empréstimo de medicamentos com outras unidades.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A manipulação de antineoplásicos requer do farmacêutico cuidados não apenas relacionados à qualidade do produto manipulado, mas também à proteção individual e ambiental, em virtude dos riscos associados ao manuseio de citotóxicos sem os devidos cuidados. Quanto às vias de exposição a antineoplásicos, assinale a alternativa que correlaciona a via de exposição e o equipamento de proteção e/ou cuidado que minimiza tal exposição.
  • A. Absorção cutânea: trocar as luvas no mínimo a cada 4 horas e limpar com álcool 70% qualquer derramamento sobre as mesmas.
  • B. Absorção cutânea: uso de dois pares de luvas (tipo cirúrgica) de látex, punho longo e estéreis.
  • C. Via inalatória: utilizar protetor respiratório recomendado para poeiras, fumos e névoas, classe PFF1.
  • D. Via ocular: o uso de óculos de segurança não é recomendado durante a higienização de frascos e ampolas de antineoplásicos.
  • E. Ingestão acidental de alimentos contaminados: cabine de segurança classe II B2 e uso de macacão permeável.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Alguns grupos específicos de pacientes requerem cuidados especiais na escolha da farmacoterapia e no cálculo da dose, devido a alterações nos parâmetros farmacocinéticos que ocorrem em determinadas fases da vida e estados patológicos. Assinale a alternativa que descreve corretamente uma alteração em parâmetro farmacocinético inerente à idade ou à patologia do indivíduo e uma possível consequência negativa.
  • A. Em neonatos, a taxa de filtração glomerular é maior do que a de adultos; por isso, o tempo de meia-vida da gentamicina é maior em neonatos devido à maior eliminação do fármaco. Possível consequência: aumento do risco de nefrotoxicidade e ototoxicidade.
  • B. Em idosos, a composição corporal é diferente do adulto: a água contribui para maior proporção de massa corporal e, por isso, o volume de distribuição do diazepam diminui. Possível consequência: aumento do risco de sedação e confusão.
  • C. Em neonatos, várias enzimas de conjugação têm atividade alta; por isso a morfina, cuja eliminação ocorre principalmente na forma de glicuronídio, não é indicada para analgesia das dores relacionadas ao parto. Possível consequência: aumento do risco de diarreia no neonato.
  • D. Em nefropatas, a dose de vancomicina precisa ser ajustada de acordo com a função renal, pois a excreção da vancomicina ocorre predominantemente por filtração glomerular. Possível consequência: aumento do risco de nefrotoxicidade e ototoxicidade.
  • E. Em hepatopatas, a dose de manutenção de voriconazol pode precisar ser reduzida, pois a maior parte do metabolismo do fármaco ocorre por glicorunidação hepática. Possível consequência: aumento do risco de nefrotoxicidade e ototoxicidade.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Com relação ao Componente Estratégico da Assistência Farmacêutica, a dispensação dos medicamentos é de competência:
  • A. das farmácias populares.
  • B. das secretarias municipais de saúde.
  • C. do Ministério da Saúde.
  • D. das secretarias estaduais de saúde.
  • E. das centrais de abastecimento farmacêutico.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A Comissão de Farmácia e Terapêutica (CFT) recebeu uma solicitação para padronização de um novo anticoagulante oral como alternativa à Varfarina, medicamento já padronizado. Sendo assim, a CFT solicitou ao Núcleo de Avaliação de Tecnologias em Saúde da unidade uma avaliação econômica completa para os medicamentos Dabigatrana, Rivaroxabana e Apixaban, em que foram avaliados aspectos de efetividade, segurança e custos. O relatório foi elaborado e encaminhado à CFT como ferramenta auxiliar na tomada de decisão, e a comissão optou pela incorporação de uma das alternativas. Diante da atual situação econômica do país, um dos componentes estratégicos deste relatório avaliou a consequência financeira da incorporação da nova tecnologia, sendo esta chamada de análise de:
  • A. custo-efetividade.
  • B. custo-benefício.
  • C. custo-utilidade.
  • D. custo-minimização.
  • E. impacto orçamentário.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O uso concomitante de vários medicamentos é prática comum no ambiente hospitalar. Em tais casos, a avaliação da farmacoterapia deve ser realizada de maneira cuidadosa pelo farmacêutico, visando à observação de interações medicamentosas potenciais, de modo a evitá-las, e contribuindo para melhores resultados da farmacoterapia e para a redução de reações adversas preveníveis. Assinale a opção que contém uma interação medicamentosa potencial e a orientação que deveria constar no parecer farmacêutico, com o objetivo de evitar a interação ou de monitorar a ocorrência do seu provável resultado.
  • A. Captopril e ibuprofeno: diminuição do efeito anti-hipertensivo do captopril. Parecer: considerar terapia anti-inflamatória alternativa ou monitorar a pressão arterial e a função renal.
  • B. Vancomicina e gentamicina: risco aumentado de hepatotoxicidade. Parecer: considerar antibioticoterapia alternativa ou monitorar a função hepática e a audição.
  • C. Claritromicina e midazolam: aumento da atividade depressora central do midazolam. Parecer: a suspensão da claritromicina é indicada, sem substituição.
  • D. Metotrexato e sulfametoxazol + trimetroprim: aumento da toxicidade do sulfametoxazol. Parecer: substituir o metotrexato por outro antineoplásico.
  • E. Fenobarbital e metilprednisolona: aumento dos efeitos terapêuticos da metilprednisolona. Parecer: aumentar a dose de metilprednisolona ou substituir o fenobarbital por outro anticonvulsivante.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
No contexto hospitalar, os analgésicos opioides são componentes essenciais do arsenal terapêutico. Particularmente nas unidades de terapia intensiva, é comum a utilização de fentanil em infusão contínua e controlada, devido à curta duração do efeito, à alta potência e à sedação. O uso prolongado de fentanil expõe o paciente ao risco de efeitos adversos, como a síndrome de abstinência, quando ocorre uma interrupção abrupta do uso. Considerando as características farmacocinéticas dos opioides, assinale a alternativa que apresenta a melhor escolha de analgésico opioide para auxiliar na supressão dos sintomas de abstinência de fentanil durante o desmame de analgesia, devido ao seu prolongado tempo de meia-vida.
  • A. Morfina.
  • B. Petidina.
  • C. Naloxona.
  • D. Metadona.
  • E. Dipirona.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A escolha do tratamento para neutropenia febril é baseada em um conjunto de fatores. Um dos mais importantes para o tratamento empírico inicial é o conhecimento do padrão epidemiológico e de resistência a antimicrobianos do hospital. Além disso, o risco de o paciente desenvolver o quadro e a gravidade com que este se apresenta são cruciais para a escolha do antimicrobiano e para a decisão entre monoterapia ou politerapia. Com relação aos antimicrobianos que podem ser utilizados no tratamento da neutropenia febril, assinale a alternativa correta.
  • A. A vancomicina é o glicopeptídeo de escolha para tratamento de infecções por gram-negativos. A administração por via intravenosa deve ser rápida de modo a evitar o extremo rubor que a infusão prolongada pode causar.
  • B. A claritromicina é o macrolídeo de escolha para tratamento de pneumonias por Pneumocystis jirovecii, pois é o único macrolídeo que não inibe a CYP3A4.
  • C. A piperacilina associada ao tazobactam é a penicilina de escolha para tratamento de infecções intra-abdominais em pacientes neutropênicos devido a sua adequada cobertura de anaeróbios e de Pseudomonas.
  • D. Nas lesões vesiculares, com suspeita de infecção por citomegalovírus, o aciclovir é o antiviral de escolha.
  • E. A terapia antifúngica de escolha para aspergilose é a associação de fluconazol e micafungina.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Devido a sua ação anti-inflamatória e imunossupressora, os corticosteroides são utilizados no tratamento de diversas patologias, tais como insuficiência suprarrenal, doenças reumatológicas, asma, leucemias e linfomas. Os diferentes potenciais anti-inflamatórios e de retenção de sódio, bem como a duração de ação, são fatores determinantes para a escolha do corticosteroide. A dose equivalente também deve ser levada em consideração, quando for necessária a troca do corticoesteroide. Considerando tais características, assinale a alternativa correta.
  • A. A fludrocortisona possui elevada potência anti-inflamatória e mínima potência de retenção de sódio, sendo o fármaco de escolha para tratamento de alergias devido a sua ação glicocorticoide.
  • B. A metilprednisolona possui maior potência anti-inflamatória e de retenção de sódio que a prednisona, sendo utilizada principalmente na forma de aerossol para o tratamento de asma.
  • C. A prednisona pode ser substituída pela dexametasona, sem conversão de dose, pois ambas possuem mesma dose equivalente na administração oral ou intravenosa.
  • D. A betametasona pode ser substituída pela fludrocortisona, sem conversão de dose, pois ambas possuem mesma dose equivalente na administração intramuscular ou oral.
  • E. A dexametasona possui elevada potência anti-inflamatória e mínima potência de retenção de sódio, sendo o fármaco de escolha quando a retenção de água não é desejável, como no edema cerebral.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A quimioterapia combinada é a base do tratamento de vários tipos de neoplasias e permite a administração das doses máximas toleradas, levando em consideração sinergismos e diferentes mecanismos de toxicidade e resistência. O farmacêutico precisa estar atento aos protocolos para a administração dos antineoplásicos nos dias corretos, através da via de administração correta, respeitando os intervalos de administração e terapias de suporte, de modo a garantir que os objetivos da quimioterapia combinada sejam atingidos. Assinale a alternativa que demonstra corretamente os cuidados de administração de antineoplásicos e suas justificativas.
  • A. A vincristina é um alcaloide da vinca, e a neurotoxicidade é um de seus principais efeitos adversos. Para reduzir o risco de tal toxicidade, a vincristina deve ser administrada em dias intercalados.
  • B. O metotrexato é um análogo de ácido fólico, cuja principal toxicidade é a neurotoxicidade devido a sua estrutura altamente lipofílica, que permite a passagem pela barreira hematoencefálica. O ácido folínico pode ser usado para acelerar a eliminação de metotrexato.
  • C. A citarabina é um análogo da citidina, cujo intervalo ideal entre as doses é de 24 horas, de modo a manter as concentrações intracelulares de trifosfato de citarabina em níveis inibitórios por, pelo menos, um ciclo celular.
  • D. A doxorrubicina é um antibiótico antraciclínico, e a toxicidade hepática é a sua principal toxicidade a longo prazo, requerendo monitoramento prévio ao início do tratamento e ao longo da vida, bem como o uso de dexrazoxano.
  • E. A ciclofosfamida é um agente alquilante que pode provocar cistite hemorrágica. Para reduzir o risco de tal toxicidade, recomenda-se vigorosa hidratação e o uso de mesna, que interage com acroleína, formando um composto atóxico.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: