GARCIA (2003) aponta que o paralelismo sintático e semâ...

GARCIA (2003) aponta que o paralelismo sintático e semântico remete à lógica da correlação e associação de ideias, por isso sua ausência pode provocar incoerência. No entanto, autores de várias épocas usaram-na com propósito estilístico.

O enunciado que corresponde a essa asserção é:

  • A. Duas coisas prega hoje a igreja a todos os mortais: ambas grandes, ambas tristes, ambas temerosas, ambas certas. (Pe. Antonio Vieira)
  • B. O corpo do vaqueiro derreava-se, as pernas faziam dois arcos, os braços moviam-se desengonçados. (Graciliano Ramos)
  • C. De estado calado, ele sempre aceitava todo bom e justo conselho. Mas não louvava cantoria. Estavam falando todos juntos? Então Medeiro Vaz não estava lá. (Guimarães Rosa)
  • D. Cotejava o passado com o presente. Que era, há um ano? Professor. Que é agora? Capitalista. (Machado de Assis)
  • E. Já um estirão era andado quando, numa roça de mandioca, adveio aquele figurão de cachorro, uma peça de vinte palmos de pelo e raiva. (José Cândido de Carvalho)
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

Acerca dos fármacos utilizados em anestesia, julgue os seguintes itens. O tiopental, após a reconstituição com solução fisiológica, forma uma solução ácida, o que impede o crescimento bacteriano.

Resolva a questão aqui ›


No tocante aos atos e aos poderes administrativos, julgue os próximos itens. Os atos administrativos gozam da presunção de legitimidade, o que significa que são considerados válidos até que sobrevenha prova em contrário.

Resolva a questão aqui ›