Questões sobre História do Brasil do ENEM

Selecione questões do ENEM nos filtros abaixo

História - História do Brasil - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Tratava-se agora de construir um ritmo novo. Para tanto, era necessário convocar todas as forças vivas da Nação, todos os homens que, com vontade de trabalhar e confiança no futuro, pudessem erguer, num tempo novo, um novo Tempo. E, à grande convocação que conclamava o povo para a gigantesca tarefa, começaram a chegar de todos os cantos da imensa pátria os trabalhadores: os homens simples e quietos, com pés de raiz, rostos de couro e mãos de pedra, e no calcanho, em carro de boi, em lombo de burro, em paus-de-arara, por todas as formas possíveis e imagináveis, em sua mudez cheia de esperança, muitas vezes deixando para trás mulheres e filhos a aguardar suas promessas de melhores dias; foram chegando de tantos povoados, tantas cidades cujos nomes pareciam cantar saudades aos seus ouvidos, dentro dos antigos ritmos da imensa pátria... Terra de sol, Terra de luz... Brasil! Brasil! Brasília!

MORAES, V.; JOBIM, A. C. Brasília, sinfonia da alvorada. III — A chegada dos candangos. Disponível em: www.viniciusdemoraes.com.br. Acesso em: 14 ago. 2012 (adaptado).


No texto, a narrativa produzida sobre a construção de Brasília articula os elementos políticos e socioeconômicos indicados, respectivamente, em:

    A) Apelo simbólico e migração inter-regional.
    B) Organização sindical e expansão do capital.
    C) Segurança territorial e estabilidade financeira.
    D) Consenso partidário e modernização rodoviária.
    E) Perspectiva democrática e eficácia dos transportes.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

A partir da segunda metade do século XVIII, o número de escravos recém-chegados cresce no Rio e se estabiliza na Bahia. Nenhum lugar servia tão bem à recepção de escravos quanto o Rio de Janeiro.

FRANÇA, R. O tamanho real da escravidão. O Globo, 5 abr. 2015 (adaptado).


Na matéria, o jornalista informa uma mudança na dinâmica do tráfico atlântico que está relacionada à seguinte atividade:

    A) Coleta de drogas do sertão.
    B) Extração de metais preciosos.
    C) Adoção da pecuária extensiva.
    D) Retirada de madeira do litoral.
    E) Exploração da lavoura de tabaco.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

A Revolta da Vacina (1904) mostrou claramente o aspecto defensivo, desorganizado, fragmentado da ação popular. Não se negava o Estado, não se reivindicava participação nas decisões políticas; defendiam-se valores e direitos considerados acima da intervenção do Estado.

CARVALHO, J. M. Os bestializados: o Rio de Janeiro e a República que não foi. São Paulo: Cia. das Letras, 1987 (adaptado).


A mobilização analisada representou um alerta, na medida em que a ação popular questionava

    A) a alta de preços.
    B) a política clientelista.
    C) as reformas urbanas.
    D) o arbítrio governamental.
    E) as práticas eleitorais.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Art. 90. As nomeações dos deputados e senadores para a Assembleia Geral, e dos membros dos Conselhos Gerais das províncias, serão feitas por eleições, elegendo a massa dos cidadãos ativos em assembleias paroquiais, os eleitores de província, e estes, os representantes da nação e província.

Art. 92. São excluídos de votar nas assembleias paroquiais:


I. Os menores de vinte e cinco anos, nos quais se não compreendem os casados, os oficiais militares, que forem maiores de vinte e um anos, os bacharéis formados e os clérigos de ordens sacras.

II. Os filhos de famílias, que estiverem na companhia de seus pais, salvo se servirem a ofícios públicos.

III. Os criados de servir, em cuja classe não entram os guarda-livros, e primeiros caixeiros das casas de comércio, os criados da Casa Imperial, que não forem de galão branco, e os administradores das fazendas rurais e fábricas.

IV. Os religiosos e quaisquer que vivam em comunidade claustral.

V. Os que não tiverem de renda líquida anual cem mil réis por bens de raiz, indústria, comércio, ou emprego.

BRASIL. Constituição de 1824. Disponível em: www.planalto.gov.br. Acesso em: 4 abr. 2015 (adaptado).


De acordo com os artigos do dispositivo legal apresentado, o sistema eleitoral instituído no início do Império é marcado pelo(a)

    A) representação popular e sigilo individual.
    B) voto indireto e perfil censitário.
    C) liberdade pública e abertura política.
    D) ética partidária e supervisão estatal.
    E) caráter liberal e sistema parlamentar.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

A maior parte das agressões e manifestações discriminatórias contra as religiões de matrizes africanas ocorrem em locais públicos (57%).É na rua, na via pública, que tiveram lugar mais de 2/3 das agressões, geralmente em locais próximos às casas de culto dessas religiões. O transporte público também é apontado como um local em que os adeptos das religiões de matrizes africanas são discriminados, geralmente quando se encontram paramentados por conta dos preceitos religiosos.

REGO, L. F.; FONSECA, D. P. R.; GIACOMINI, S. M. Catografia social de terreiros no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro:PUC-Rio, 2014.


As práticas descritas no texto são incompatíveis com a dinâmica de uma sociedade laica e democrática porque

    A) asseguram as expressões multiculturais.
    B) promovem a diversidade de etnias.
    C) falseiam os dogmas teológicos.
    D) estimulam os rituais sincréticos.
    E) restringem a liberdade de credo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Entre os combatentes estava a mais famosa heroína da Independência. Nascida em Feira de Santana, filha de lavradores pobres, Maria Quitéria de Jesus tinha trinta anos quando a Bahia começou a pegar em armas contra os portugueses. Apesar da proibição de mulheres nos batalhões de voluntários, decidiu se alistar às escondidas. Cortou os cabelos, amarrou os seios, vestiu-se de homem e incorporou-se às fileiras brasileiras com o nome de Soldado Medeiros.

GOMES, L. 1822. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2010.


No processo de Independência do Brasil, o caso mencionado é emblemático porque evidencia a

    A) rigidez hierárquica da estrutura social.
    B) inserção feminina nos ofícios militares.
    C) adesão pública dos imigrantes portugueses.
    D) flexibilidade administrativa do governo imperial.
    E) receptividade metropolitana aos ideais emancipatórios.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2018 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro e Segundo Dia

Rodrigo havia sido indicado pela oposição para fiscal duma das mesas eleitorais. Pôs o revólver na cintura, uma caixa de balas no bolso e encaminhou-se para seu posto. A chamada dos eleitores começou às sete da manhã. Plantados junto da porta, os capangas do Trindade ofereciam cédulas com o nome dos candidatos oficiais a todos os eleitores que entravam. Estes, em sua quase totalidade, tomavam docilmente dos papeluchos e depositavam-nos na urna, depois de assinar a autêntica. Os que se recusavam a isso tinham seus nomes acintosamente anotados.

VERISSIMO, E. O tempo e o vento. São Paulo: Globo, 2003 (adaptado).


Erico Veríssimo tematiza em obra ficcional o seguinte aspecto característico da vida política durante a Primeira República:

    A) Identificação forçada de homens analfabetos.
    B) Monitoramento legal dos pleitos legislativos.
    C) Repressão explícita ao exercício de direito.
    D) Propaganda direcionada à população do campo.
    E) Cerceamento policial dos operários sindicalizados.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2018 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro e Segundo Dia

O marco inicial das discussões parlamentares em torno do direito do voto feminino são os debates que antecederam a Constituição de 1824, que não trazia qualquer impedimento ao exercício dos direitos políticos por mulheres, mas, por outro lado, também não era explícita quanto à possibilidade desse exercício. Foi somente em 1932, dois anos antes de estabelecido o voto aos 18 anos, que as mulheres obtiveram o direito de votar, o que veio a se concretizar no ano seguinte. Isso ocorreu a partir da aprovação do Código Eleitoral de 1932.

Disponível em: http://tse.jusbrasil.com.br. Acesso em: 14 maio 2018.


Um dos fatores que contribuíram para a efetivação da medida mencionada no texto foi a

    A) superação da cultura patriarcal.
    B) influência de igrejas protestantes.
    C) pressão do governo revolucionário.
    D) fragilidade das oligarquias regionais.
    E) campanha de extensão da cidadania.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2018 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro e Segundo Dia

Código Penal dos Estados Unidos do Brasil, 1890

Dos crimes contra a saúde pública


Art. 156. Exercer a medicina em qualquer dos seus ramos, a arte dentária ou a farmácia; praticar a homeopatia, a dosimetria, o hipnotismo ou magnetismo animal, sem estar habilitado segundo as leis e regulamentos.

Art. 158. Ministrar, ou simplesmente prescrever, como meio curativo para uso interno ou externo, e sob qualquer forma preparada, substância de qualquer dos reinos da natureza, fazendo, ou exercendo assim, o ofício denominado curandeiro.

Disponível em: http://legis.senado.gov.br. Acesso em: 21 dez. 2014 (adaptado).


No início da Primeira República, a legislação penal vigente evidenciava o(a)

    A) negligência das religiões cristãs sobre as moléstias.
    B) desconhecimento das origens das crenças tradicionais.
    C) preferência da população pelos tratamentos alopáticos.
    D) abandono pela comunidade das práticas terapêuticas de magia.
    E) condenação pela ciência dos conhecimentos populares de cura.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

História - História do Brasil - INEP - 2018 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro e Segundo Dia


Essa imagem foi impressa em cartilha escolar durante a vigência do Estado Novo com o intuito de

    A) destacar a sabedoria inata do líder governamental.
    B) atender a necessidade familiar de obediência infantil.
    C) promover o desenvolvimento consistente das atitudes solidárias.
    D) conquistar a aprovação política por meio do apelo carismático.
    E) estimular o interesse acadêmico por meio de exercícios intelectuais.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: