Questões sobre Pontuação da UFPR

Língua Portuguesa - Pontuação - Universidade Federal do Paraná (UFPR) - 2020 - Câmara de Curitiba - PR - Técnico Administrativo

Assinale a alternativa corretamente pontuada, de acordo com a língua escrita padrão.
    A) Em 1957 o psicólogo B. F. Skinner da Universidade de Harvard, constatou que recompensas inconstantes que surgem de forma irregular, eram mais eficientes para condicionar o comportamento dos animais. O smartphone explora isso ao abrir um app, você nunca sabe quantas unidades de conteúdo (textos, fotos, vídeos, posts, mensagens) ele vai mostrar.
    B) Em 1957 o psicólogo B. F. Skinner, da Universidade de Harvard constatou que recompensas inconstantes – que surgem de forma irregular, eram mais eficientes para condicionar o comportamento dos animais; o smartphone explora isso, ao abrir um app, você nunca sabe quantas unidades de conteúdo (textos, fotos, vídeos, posts, mensagens) ele vai mostrar.
    C) Em 1957, o psicólogo B. F. Skinner, da Universidade de Harvard, constatou que recompensas inconstantes (que surgem de forma irregular) eram mais eficientes para condicionar o comportamento dos animais. O smartphone explora isso: ao abrir um app, você nunca sabe quantas unidades de conteúdo (textos, fotos, vídeos, posts, mensagens) ele vai mostrar.
    D) Em 1957, o psicólogo B. F. Skinner, da Universidade de Harvard, constatou que: recompensas inconstantes que surgem de forma irregular eram mais eficientes para condicionar o comportamento dos animais. O smartphone explora isso. Ao abrir um app você nunca sabe quantas unidades de conteúdo (textos, fotos, vídeos, posts, mensagens) ele vai mostrar.
    E) Em 1957 o psicólogo B. F. Skinner da Universidade de Harvard constatou que recompensas, inconstantes (que surgem de forma irregular), eram mais eficientes para condicionar o comportamento dos animais (o smartphone explora isso) ao abrir um app. Você nunca sabe quantas unidades de conteúdo (textos, fotos, vídeos, posts, mensagens) ele vai mostrar.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considere as seguintes afirmativas sobre expressões empregadas no texto.

1. A expressão “dor de cotovelo” empregada no título não é característica da linguagem predominantemente científica utilizada no corpo do texto.

2. A palavra “remédio” no título do texto é ambígua, tanto pode significar “solução” como “medicamento”, e ambas as leituras mantêm o efeito de coerência entre o título e o corpo do texto.

3. As aspas em “preventivo”, no último parágrafo, assinalam que essa não é a palavra adequada para expressar o sentido pretendido pelo autor.

4. A expressão francesa “et voilà” (“eis aí” ou “aí está”) no terceiro parágrafo, produz um efeito de ironia no relato feito pelo autor.

Assinale a alternativa correta.

  • A. Somente as afirmativas 1 e 3 são verdadeiras.
  • B. Somente as afirmativas 2 e 4 são verdadeiras.
  • C. Somente as afirmativas 1, 2 e 4 são verdadeiras.
  • D. As afirmativas 1, 2, 3 e 4 são verdadeiras.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Leia o trecho abaixo:

Um sistema que ama a democracia, mas também gosta de usar o “Você sabe com quem está falando?”, que é justamente a prova da persistência dessa tradição, conforme disse em Carnavais, malandros e heróis, um livro publicado, imagine, em 1979!

A respeito desse trecho, considere as seguintes afirmativas:

1. As aspas, maiúscula e interrogação utilizadas em “Você sabe com quem está falando?” assinalam a inserção de uma frase de uso corrente.

2. O itálico é utilizado para assinalar que o autor não se responsabiliza pelo conteúdo das informações destacadas.

3. As vírgulas no trecho “..., que é justamente a prova da persistência dessa tradição, ...” apontam o caráter explicativo da oração delimitada por esse sinal de pontuação.

4. São recursos para destacar a ênfase que o autor dá às suas afirmações a inserção de um verbo no imperativo entre vírgulas e o ponto de exclamação.

Assinale a alternativa correta.

  • A. Somente a afirmativa 3 é verdadeira.
  • B. Somente as afirmativas 2 e 4 são verdadeiras.
  • C. Somente as afirmativas 1, 3 e 4 são verdadeiras.
  • D. Somente as afirmativas 1, 2 e 3 são verdadeiras.
  • E. As afirmativas 1, 2, 3 e 4 são verdadeiras.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa corretamente pontuada.

  • A.

    No Brasil desde o período colonial as mulheres viveram uma dupla realidade, por um lado uma sociedade profundamente machista, na qual elas deveriam se restringir ao espaço doméstico por outro, uma escassez de recursos e braços que, em momentos de crise esgarçava os limites da sociedade patriarcal e recorria à ação feminina.

  • B.

    No Brasil desde o período colonial, as mulheres viveram uma dupla realidade. Por um lado, uma sociedade profundamente machista na qual elas deveriam se restringir ao espaço doméstico; por outro uma escassez de recursos e braços, que em momentos de crise, esgarçava os limites da sociedade patriarcal e recorria à ação feminina.

  • C.

    No Brasil, desde o período colonial as mulheres viveram uma dupla realidade: por um lado uma sociedade profundamente machista. Na qual elas deveriam se restringir ao espaço doméstico, por outro: uma escassez de recursos e braços que, em momentos de crise, esgarçava os limites da sociedade patriarcal, e recorria à ação feminina.

  • D.

    No Brasil desde o período colonial, as mulheres viveram uma dupla realidade; por um lado uma sociedade profundamente machista, na qual, elas deveriam se restringir ao espaço doméstico; por outro, uma escassez de recursos e braços que em momentos de crise, esgarçava os limites da sociedade patriarcal e recorria à ação feminina.

  • E.

    No Brasil, desde o período colonial, as mulheres viveram uma dupla realidade: por um lado, uma sociedade profundamente machista, na qual elas deveriam se restringir ao espaço doméstico; por outro, uma escassez de recursos e braços que, em momentos de crise, esgarçava os limites da sociedade patriarcal e recorria à ação feminina.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa em que o texto está de acordo com as normas de pontuação.

  • A.

    Omitir informações de doenças preexistentes, mesmo que acidentalmente pode deixá-lo sem cobertura e acarretar: a rescisão do contrato.

  • B.

    Omitir: informações de doenças preexistentes mesmo que acidentalmente; pode deixá-lo sem cobertura; e acarretar a rescisão do contrato.

  • C.

    Omitir informações de doenças preexistentes, mesmo que acidentalmente, pode deixá-lo sem cobertura e acarretar a rescisão do contrato.

  • D.

    Omitir informações, de doenças preexistentes mesmo, que, acidentalmente, pode deixá-lo sem cobertura e acarretar a rescisão do contrato.

  • E.

    Omitir informações de doenças preexistentes mesmo que acidentalmente, pode deixá-lo sem cobertura, e acarretar a rescisão do contrato.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa cujo texto está escrito dentro das normas da língua culta.

  • A.

    Em 2007, houve 85 casos de morte de baleias-francas na costa argentina, assustando os biólogos, que não têm explicação para esse fenômeno.

  • B.

    Em 2007, houve 85 casos de morte de baleias-francas na costa argentina, onde assustou os biólogos, que eles não tem explicação para esse fenômeno.

  • C.

    Em 2007 houveram 85 casos de morte de baleias-francas na costa argentina, que assustou os biólogos, onde eles não tem explicação para esse fenômeno.

  • D.

    Em 2007, houve 85 casos de morte de baleias-francas na costa argentina, onde assustou os biólogos, que os mesmos não tem explicação para esse fenômeno.

  • E.

    Em 2007, houveram 85 casos de morte de baleias-francas na costa argentina, que assustou os biólogos, que os mesmos não têm explicação para esse fenômeno.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa em que os sinais de pontuação estão corretamente empregados.

  • A.

    Os 136 passageiros do vôo BA38, da British Airways vindo de Pequim, China levaram um grande susto quando o moderno Boeing em que viajavam foi obrigado a pousar de barriga no aeroporto de Heathrow, em Londres um dos mais movimentados do mundo.

  • B.

    Os 136 passageiros do vôo BA38 da British Airways vindo de Pequim China levaram um grande susto quando o moderno Boeing, em que viajavam, foi obrigado a pousar de barriga no aeroporto de Heathrow em Londres, um dos mais movimentados do mundo.

  • C.

    Os 136 passageiros do vôo: BA38, da British Airways vindo de Pequim China, levaram um grande susto, quando, o moderno Boeing em que viajavam, foi obrigado a pousar de barriga no aeroporto de Heathrow, em Londres, um dos mais movimentados do mundo.

  • D.

    Os 136 passageiros, do vôo BA38, da British Airways, vindo de Pequim, China, levaram um grande susto; quando o moderno Boeing em que viajavam foi obrigado a pousar de barriga no aeroporto de Heathrow, em Londres; um dos mais movimentados do mundo.

  • E.

    Os 136 passageiros do vôo BA38, da British Airways, vindo de Pequim, China, levaram um grande susto, quando o moderno Boeing em que viajavam foi obrigado a pousar de barriga no aeroporto de Heathrow, em Londres, um dos mais movimentados do mundo.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa em que o texto está corretamente pontuado.

  • A.

    Um casal de curitibanos, contratou um laboratório para recolher células-tronco do filho que estava para nascer para o caso de ele precisar no futuro de um transplante, mas o funcionário encarregado não apareceu na hora do parto, por decisão judicial, o casal terá de ser indenizado.

  • B.

    Um casal de curitibanos, contratou um laboratório. Para recolher células-tronco do filho, que estava para nascer para o caso de ele precisar no futuro de um transplante. Mas o funcionário encarregado não apareceu na hora do parto. Por decisão judicial o casal terá de ser indenizado.

  • C.

    Um casal de curitibanos contratou um laboratório para recolher células-tronco do filho que estava para nascer para o caso de ele precisar no futuro de um transplante, mas o funcionário encarregado não apareceu na hora do parto, por decisão judicial, o casal terá de ser indenizado.

  • D.

    Um casal de curitibanos contratou um laboratório para recolher células-tronco do filho que estava para nascer, para o caso de ele precisar no futuro de um transplante, mas o funcionário encarregado não apareceu na hora do parto. Por decisão judicial, o casal terá de ser indenizado.

  • E.

    Um casal, de curitibanos, contratou um laboratório para recolher células-tronco do filho que estava para nascer. Para o caso de ele precisar no futuro, de um transplante. Mas, o funcionário encarregado não apareceu na hora do parto. Por decisão judicial o casal terá de ser indenizado.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa cujo texto está corretamente pontuado.

  • A.

    Uma harpa de mais de dois mil anos foi encontrada por arqueólogos austríacos perto de Fritzens no vale do rio Inn, com o desenho de um animal mítico, um cavalo com pernas de serpente e uma inscrição com o que parece ser o nome do seu proprietário escrito no idioma local falado naqueles tempos, a harpa foi encontrada nas ruínas de uma moradia da Idade do Ferro destruída pelos romanos em 15 a.C.

  • B.

    Uma harpa de mais de dois mil anos foi encontrada, por arqueólogos austríacos perto de Fritzens no vale do rio Inn, com o desenho de um animal mítico: um cavalo com pernas de serpente e uma inscrição com o que parece ser o nome do seu proprietário escrito no idioma local falado naqueles tempos. A harpa foi encontrada nas ruínas de uma moradia da Idade do Ferro destruída pelos romanos em 15 a.C.

  • C.

    Uma harpa de mais de dois mil anos, foi encontrada por arqueólogos austríacos perto de Fritzens no vale do rio Inn, com o desenho de um animal mítico – um cavalo com pernas de serpente – e uma inscrição com o que parece ser o nome do seu proprietário escrito no idioma local falado naqueles tempos. A harpa foi encontrada, nas ruínas de uma moradia da Idade do Ferro destruída pelos romanos, em 15 a.C.

  • D.

    Uma harpa de mais de dois mil anos foi encontrada por arqueólogos austríacos perto de Fritzens. No vale do rio Inn, com o desenho de um animal mítico (um cavalo com pernas de serpente) e uma inscrição com o que parece ser o nome do seu proprietário escrito no idioma local falado naqueles tempos, a harpa foi encontrada nas ruínas de uma moradia da Idade do Ferro destruída pelos romanos, em 15 a.C.

  • E.

    Uma harpa de mais de dois mil anos foi encontrada, por arqueólogos austríacos, perto de Fritzens, no vale do rio Inn. Com o desenho de um animal mítico – um cavalo com pernas de serpente – e uma inscrição com o que parece ser o nome do seu proprietário escrito no idioma local falado naqueles tempos, a harpa foi encontrada nas ruínas de uma moradia da Idade do Ferro, destruída pelos romanos em 15 a.C.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Indique a alternativa pontuada corretamente.

  • A.

    As zebras não têm úlceras porque elas só se estressam no momento certo, quer dizer, só quando há perigo real e iminente, geralmente um leão tentando devorá-las. No segundo seguinte e no segundo anterior à passagem do leão, elas permanecem em seu estado normal.

  • B.

    As zebras não têm úlceras, porque elas só se estressam, no momento certo – quer dizer só quando há perigo real e iminente – geralmente um leão tentando devorá-las, no segundo seguinte e no segundo anterior à passagem do leão, elas permanecem em seu estado, normal.

  • C.

    As zebras não têm úlceras? Porque elas só se estressam no momento certo! Quer dizer só quando há perigo, real e iminente. Geralmente um leão tentando devorá-las no segundo seguinte, e no segundo anterior à passagem do leão elas permanecem em seu estado normal.

  • D.

    As zebras, não têm úlceras porque elas, só se estressam no momento certo (quer dizer só quando há perigo real e iminente) geralmente um leão tentando devorá-las; no segundo seguinte e no segundo anterior à passagem do leão, elas permanecem em seu estado normal.

  • E.

    As zebras não têm úlceras porque elas só se estressam no momento certo: quer dizer, só quando há perigo real e iminente. Geralmente um leão tentando devorá-las; no segundo seguinte e no segundo anterior, à passagem do leão elas permanecem em seu estado normal.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão: