Questões de Odontologia da IADES

Em fevereiro de 2015, a International Caries Consensus Collaboration (ICCC), um grupo de especialistas em cariologia de 12 países, reuniu-se em Leuven, na Bélgica, para discutir questões de relevância para pesquisadores de cariologia, educadores dentais e a comunidade de odontologia clínica. O objetivo foi chegar a um consenso quanto às recomendações para o manejo de lesões cariosas e à terminologia em torno desse manejo, com base nas melhores evidências científicas atuais, por meio de discussão e consulta. Acerca do manejo de lesões cariosas e da respectiva terminologia, assinale a alternativa correta.
  • A. A remoção da lesão cariada deixando apenas a dentina dura em toda a cavidade, com instrumentos manuais ou rotatórios, não retira tecido dentário que não precisa ser removido (sadio).
  • B. A decisão de realizar a remoção seletiva da dentina firme ou da dentina amolecida está relacionada à profundidade da cavidade e à possibilidade de exposição pulpar. Na remoção seletiva, usam-se os mesmos critérios de escavação na avaliação da periferia da cavidade e para a área próxima à polpa.
  • C. A periferia da cavidade deve ser circundada por esmalte “sadio” para permitir a melhor vedação adesiva. A dentina periférica deve ser firme – com características de resistência ao escavador manual.
  • D. Para lesões profundas, a remoção da dentina nas paredes com contato com a polpa deve ser parcial. O objetivo principal é não expor ou irritar a polpa, desde que não haja sintomas clínicos de inflamação pulpar presente.
  • E. Para lesões menos profundas, a remoção seletiva deve ocorrer até a dentina firme na parede pulpar. É provável que isso seja necessário para permitir uma profundidade adequada para o volume do material restaurador.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Atualmente, o tratamento de lesões de cárie em dentes decíduos e permanentes tem seguido princípios de mínima intervenção, com o objetivo de preservar as estruturas dentárias e propiciar melhor adaptação comportamental do paciente. Em relação a esse assunto, assinale a alternativa correta.
  • A. O tratamento restaurador atraumático (TRA) pode ser empregado para a restauração de lesões ativas profundas em dentina, a fim de evitar a exposição pulpar, desde que o diagnóstico de pulpite irreversível ou necrose pulpar seja afastado.
  • B. A preservação da distância mesiodistal de molares decíduos durante procedimentos restauradores é importante, embora não seja essencial para o desenvolvimento normal da oclusão.
  • C. A escavação gradativa é uma técnica de mínima intervenção para lesões cariosas profundas de dentina, que pode ser utilizada em dentes decíduos e dentes permanentes jovens e que deve ser realizada em sessão única, por meio da remoção da dentina infectada.
  • D. O capeamento pulpar indireto é uma técnica indicada em caso de pacientes que não apresentam adequação comportamental para se submeterem a procedimentos mais complexos e quando há dúvida na determinação do diagnóstico pulpar.
  • E. No caso de detecção radiográfica de lesão interproximal localizada em dentina superficial em dente decíduo, o afastamento do dente é desnecessário para a verificação da presença de cavidade, podendo a decisão restauradora ser postergada.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Quanto aos cistos odontogênicos (diagnóstico, características clínicas e radiográficas) e às respectivas formas de tratamento cirúrgico, assinale a alternativa correta.
  • A. Os cistos que aparecem como pequenas pápulas esbranquiçadas, frequentemente múltiplas na mucosa de recobrimento dos processos alveolares, são denominados cistos de erupção.
  • B. Uma grande desvantagem da marsupialização para o tratamento dos cistos é deixar tecido patológico na cavidade, sem possibilidade de exame histopatológico.
  • C. Uma imagem radiográfica panorâmica de um cisto dentígero pode apresentar, como diagnóstico diferencial, cisto paradentário, mixoma odontogênico e ameloblastoma sólido.
  • D. O cisto periodontal lateral apresenta-se, na maioria dos casos, assintomático, sendo mais frequentemente encontrado na maxila, geralmente associado a um dente sem vitalidade.
  • E. A enucleação é o tratamento de primeira escolha para a primeira abordagem de uma lesão suspeita de cisto com grandes proporções e totalmente intraósseo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
As manobras fundamentais em cirurgia podem ser divididas em quatro etapas, que são a diérese, a exérese, a hemostasia e a síntese. Fazem parte das manobras de exérese e hemostasia, respectivamente, o (a)
  • A. descolamento mucoperiosteal para acesso cirúrgico e a utilização de fios de sutura absorvíveis.
  • B. uso de cera para osso e compressas locais com gaze.
  • C. biópsia incisional de uma lesão e a regularização de espículas ósseas com o uso do alveolótomo.
  • D. utilização do eletrocautério e a irrigação local com soro fisiológico gelado.
  • E. regularização óssea com a lima para osso e o uso do polímero de celulose oxidada no local da ferida.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Com relação às propriedades mecânicas do esmalte e da dentina, tendo em vista os dados da tabela apresentada, assinale a alternativa correta.

  • A. A resiliência maior da dentina representa uma maior elasticidade em comparação ao esmalte.
  • B. O módulo de elasticidade maior do esmalte representa uma maior capacidade de absorver energia que a da dentina.
  • C. A dentina é mais frágil que o esmalte, já que tanto a resistência à compressão quanto o limite elástico são menores que os do esmalte.
  • D. Considerando a deformação na fratura e a resistência à compressão, é correto estimar que a dentina tem maior tenacidade que o esmalte.
  • E. Considerando a diferença entre a resistência à compressão e o limite elástico, conclui-se que a dentina tem maior ductibilidade.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Determinada paciente de 23 anos de idade, encaminhou-se a uma clínica odontológica para tratamento endodôntico do dente 26, com diagnóstico de pulpite irreversível sintomática. Acerca desse caso clínico e com base nos conhecimentos correlatos, assinale a alternativa correta.
  • A. O quadro álgico existente decorre da estimulação das fibras pulares amielinizadas de 0,3 μm a 1,2 μm de diâmetro e se caracteriza por ser excruciante e, algumas vezes, difusa.
  • B. A inflamação existente se caracteriza pelo aumento dos peptídeos N-formilados quimiotáticos para plasmócitos, atraindo-os para o local da agressão.
  • C. O aumento da pressão no estágio tardio da inflamação, associado à elevação do fluxo sanguíneo, implica aumento da permeabilidade vascular com redução da pressão hidrostática tecidual.
  • D. A confirmação precisa do diagnóstico deve ser obtida pelo teste térmico a frio em razão de o protocolo da Associação Americana de Endodontia não reconhecer o teste elétrico como fidedigno.
  • E. O dente assinalado como responsável pelo quadro álgico é de difícil controle anestésico, perdendo, nesse aspecto, apenas para os molares inferiores.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A ação mecânica das limas endodônticas, associada à irrigação, na limpeza e na conformação do sistema de canais, é considerada bastante significativa e uma etapa essencial para o êxito no tratamento. Em relação a esse potencial, assinale a alternativa correta.
  • A. Os instrumentos acionados a motor promovem melhor remoção de material obturador que os instrumentos acionados manualmente em retratação de canais.
  • B. Limas utilizadas com vértice da ponta truncado, quando empregadas no esvaziamento de canais atresiados, favorecem o entupimento ou extravasamento de resíduos.
  • C. A remoção eficiente dos resíduos orgânicos e inorgânicos durante a instrumentação, com auxílio de irrigação, ocorre em cerca de 80% dos canais.
  • D. As agulhas mais calibrosas promovem limpeza dos sistemas com mais eficiência em razão do maior volume de líquido injetado nos canais.
  • E. O ângulo de corte dos instrumentos acionados a motor exerce maior influência que a respectiva área de escape na limpeza do sistema e remoção de resíduos.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Certo paciente de 35 anos de idade foi encaminhado à clínica odontológica com queixa de dor e inchaço na região inferior direita da face. Após anamnese e exame físico, foi identificada uma lesão na região apical do dente 46, com presença de bolsa periodontal associada. Na anamnese, o paciente relatou ser portador de doença periodontal, diagnosticada há três anos, em tratamento, informando também que o respectivo dente começou a doer espontaneamente há cerca de cinco dias, juntamente com o inchaço na região. No exame físico, não foi verificada lesão de cárie extensa. O exame radiográfico apresentou imagem sugestiva de lesão de cárie coronária com comprometimento pulpar e lesão apical. O dente possuía bolsa periodontal em duas faces, de cerca de 9 mm. Nesse caso clínico hipotético, o diagnóstico é lesão
  • A. endodôntica primária.
  • B. endodôntica primária com envolvimento periodontal secundário.
  • C. periodontal primária.
  • D. periodontal primária com envolvimento endodôntico secundário.
  • E. combinada verdadeira.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Uma técnica exodôntica pode ser classificada como sendo por via alveolar ou por via não alveolar. Com relação às extrações por via alveolar, assinale a alternativa correta.
  • A. O movimento inicial de uso do fórceps para extração de um dente permanente é a luxação lateral, tomando-se cuidado para se iniciar para o lado que apresentar tábuas ósseas mais delgadas.
  • B. Para o uso dos extratores, o princípio da cunha significa colocar a ponta ativa alojada o máximo possível entre a raiz e a parede do alvéolo, tendo a parte mais arredondada e lisa colocada em contato com o osso, e a outra face da ponta, a mais saliente e mais aguda, em contato com a raiz ou o dente a ser extraído.
  • C. Para a realização de extrações do dente 44 com coroa (primeiro pré-molar inferior direito) e do resto radicular do 15 (segundo pré-molar superior direito), estão indicados os fórceps de números 150 e 69.
  • D. A odontosecção não pode ser realizada pela técnica da extração por via alveolar.
  • E. Quando do uso do fórceps ou alavanca, a fratura do dente que está sendo extraído é comum. Quando isso ocorre, normalmente o remanescente radicular é sepultado, pois o risco de lesão vascular, na tentativa da respectiva remoção, é muito alto.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Considerando hipoteticamente uma luxação extrusiva com deslocamento visível do dente 51 em uma criança de 3 anos de idade, atendida seis horas após o traumatismo, assinale a alternativa correta que indica o tratamento de escolha imediato nesse caso.
  • A. Reposicionamento do dente e contenção dentária.
  • B. Reposicionamento do dente e pulpectomia.
  • C. Exodontia.
  • D. Nenhum tratamento; apenas proservação clínica e radiográfica.
  • E. Desgaste da superfície incisal.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: