Questões sobre Doenças

A leishmaniose é considerada uma das seis endemias mais importantes no mundo. Sua associação a indivíduos portadores do Vírus da Imunodeficiência Adquirida (HIV) é recente, mas tem representado um dos problemas mais importantes da atualidade. A respeito da coinfecção Leishmania-HIV, julgue os próximos itens.

As manifestações clínicas mais comuns nos pacientes com leishmaniose visceral e HIV são hepato-esplenomegalia, febre e pancitopenia.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

A leishmaniose é considerada uma das seis endemias mais importantes no mundo. Sua associação a indivíduos portadores do Vírus da Imunodeficiência Adquirida (HIV) é recente, mas tem representado um dos problemas mais importantes da atualidade. A respeito da coinfecção Leishmania-HIV, julgue os próximos itens.

A recomendação de realização de sorologia para HIV restringe-se aos pacientes com leishmaniose visceral, sendo facultativo esse exame para crianças com leishmaniose tegumentar cutânea.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

A leishmaniose é considerada uma das seis endemias mais importantes no mundo. Sua associação a indivíduos portadores do Vírus da Imunodeficiência Adquirida (HIV) é recente, mas tem representado um dos problemas mais importantes da atualidade. A respeito da coinfecção Leishmania-HIV, julgue os próximos itens.

A reação intradérmica de Montenegro é o método mais indicado para o diagnóstico de leishmaniose visceral em pacientes com AIDS.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

A leishmaniose é considerada uma das seis endemias mais importantes no mundo. Sua associação a indivíduos portadores do Vírus da Imunodeficiência Adquirida (HIV) é recente, mas tem representado um dos problemas mais importantes da atualidade. A respeito da coinfecção Leishmania-HIV, julgue os próximos itens.

O tratamento da coinfecção HIV-Leishmania é exclusivo para o caso, uma vez que o tratamento convencional com desoxicolato de anfotericina B, utilizado em pacientes imunocompetentes, não é suficiente para obter bons resultados nas formas visceral e tegumentar da doença.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Sobre Doenças Respiratórias Crônicas, analise as assertivas a seguir, assinalando V, se verdadeiro, ou F, se falso.

( ) A rinite pode ser considerada a doença de maior prevalência entre as doenças respiratórias crônicas e problema global de saúde pública, acometendo cerca de 40% da população em geral.

( ) A pneumonia, a bronquiolite e a tuberculose, por causarem cicatrizes nas vias aéreas, também podem ser consideradas fatores de risco, com impacto significativo para as doenças respiratórias crônicas.

( ) Nas crianças, para as quais não há consenso sobre a definição de sintomático respiratório, a presença de tosse por três meses e/ou sibilância (uma semana/mês) e/ou com radiografia de tórax com alteração persistente é sugestiva de doença respiratória crônica.

A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

  • A.

    V – V – V.

  • B.

    V – F – V.

  • C.

    F – F – V.

  • D.

    F – F – F.

  • E.

    F – V – V.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

  • A.

    1,2,3,4,5.

  • B.

    1,2,5,4,3.

  • C.

    4,1,5,2,3.

  • D.

    3,1,4,2,5.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Em relação à hanseníase, assinale a alternativa correta:

  • A.

    A forma Indeterminada clinicamente oscila entre as manifestações da forma tuberculoide e as da forma virchowiana. Pode apresentar lesões de pele, bem delimitadas, com pouco ou nenhum bacilo, e lesões infiltrativas mal delimitadas, com muitos bacilos. Uma mesma lesão pode apresentar borda interna nítida e externa difusa. O comprometimento de nervos e os episódios reacionais são frequentes, podendo esse paciente desenvolver incapacidades e deformidades físicas.

  • B.

    A forma Tuberculóide caracteriza-se clinicamente por manchas esbranquiçadas na pele (manchas hipocrômicas), únicas ou múltiplas, de limites imprecisos e com alteração de sensibilidade. Pode ocorrer alteração apenas da sensibilidade térmica com preservação das sensibilidades dolorosa e tátil. Não há comprometimento de nervos e, por isso, não ocorrem alterações motoras ou sensitivas que possam causar incapacidades.

  • C.

    A forma Virchowiana caracteriza-se clinicamente por lesões em placa na pele, com bordas bem delimitadas, eritematosas, ou por manchas hipocrômicas nítidas, bem definidas. Apresenta queda de pelos e alteração das sensibilidades térmica, dolorosa e tátil. As lesões de pele apresentam-se em número reduzido, podendo, também, ocorrer cura espontânea. O comprometimento de nervos ocorre, geralmente, de forma assimétrica, sendo, algumas vezes, a única manifestação clínica da doença.

  • D.

    A classificação operacional para fins de tratamento poliquimioterápico (PQT), proposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e adotada pelo Ministério da Saúde (MS), baseia-se no número de lesões cutâneas. Casos paucibacilares (PB): pacientes que apresentam até cinco lesões de pele; e Casos multibacilares (MB): pacientes que apresentam mais de cinco lesões de pele.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Em situação de parada cardíaca, em adulto, em ambiente extra-hospitalar, a ressuscitação cardiopulmonar (RCP) deve ser iniciada com:

  • A.

    Ventilações, numa relação de compressão-ventilação de 5:2 com um ou dois socorristas.

  • B.

    Compressões torácicas, numa relação de compressãoventilação de 30:2 com um ou dois socorristas.

  • C.

    Cardioversão, utilizando uma carga de 360 J.

  • D.

    Chamar por ajuda e dar um soco precordial.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Em relação aos cuidados com os pés de portadores de Hanseníase, leia as frases abaixo e a seguir assinale a alternativa que corresponde a resposta correta:

I- Realizar a higiene dos pés com limpeza e secagem dos espaços interdigitais e cortar as unhas.

II- Realizar hidratação e lubrificação dos pés.

III- Não realizar remoção dos calos, pois podem causar a úlcera plantar.

IV- Deve ser orientada a diminuição do tamanho dos passos e a velocidade da marcha, diminuindo, assim, a fase de impulsão e as áreas de hiperpressão, incentivando o paciente a andar descalço para evitar a úlcera plantar.

  • A.

    As frases I e II estão corretas.

  • B.

    Todas as frases estão corretas.

  • C.

    As frases III e IV estão corretas.

  • D.

    As frases I, II e IV estão corretas.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Em relação às doenças transmissíveis, infecciosas e parasitárias, assinale a alternativa correta.

  • A.

    A Sífilis é uma doença sistêmica, infectocontagiosa, transmitida por via sexual e congênita, causada pelo Treponema pallidum.

  • B.

    A janela imunológica é o período de tempo entre a exposição ao vírus até a sua detecção por marcadores virais ou antivirais. Considera-se adequado para a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS), o período médio de janela imunológica de 90 dias.

  • C.

    A Tuberculose é uma doença infecciosa, que atinge exclusivamente o pulmão. O tratamento deve ser realizado em nível ambulatorial, porém, quando necessitar de internação em unidade hospitalar, deverá ser adotada a precaução para transmissão de gotículas.

  • D.

    A Doença Meningocócica é uma infecção bacteriana aguda das meniges, ocorre geralmente na primeira infância. Durante a internação para tratamento, o paciente deve permanecer em isolamento do tipo precauções para aerossóis e contato.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão: