Questões sobre Contabilidade Social da ESAF

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2009 - MPOG - Especialista em Políticas Públicas (Prova 2

Considere os seguintes dados extraídos de um Sistema de Contas Nacionais, em unidades monetárias:

Produto Interno Bruto: 1.162;

Remuneração dos empregados: 450;

Rendimento misto bruto (rendimento de autônomos): 150;

Impostos sobre a produção e importação: 170;

Subsídios à produção e importação: 8;

Despesa de consumo final: 900;

Exportação de bens e serviços: 100;

Importação de bens e serviços: 38.

Com base nessas informações, os valores para a formação bruta de capital fixo e para o excedente operacional bruto serão, respectivamente,

  • A.

    300 e 362

  • B.

    200 e 450

  • C.

    400 e 200

  • D.

    200 e 400

  • E.

    200 e 262

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2009 - MPOG - Especialista em Políticas Públicas (Prova 2

Considere os seguintes dados extraídos de um Sistema de Contas Nacionais extraídas das contas de produção de renda:

Produção: 2.500;

Impostos sobre produtos: 150;

Produto Interno Bruto: 1.300;

Impostos sobre a produção e de importação: 240;

Subsídios à produção: zero;

Excedente operacional bruto, inclusive rendimento de autônomos: 625.

Com base nessas informações, é correto afirmar que o consumo intermediário e a remuneração dos empregados são, respectivamente:

  • A.

    1.350 e 440

  • B.

    1.350 e 435

  • C.

    1.200 e 410

  • D.

    1.200 e 440

  • E.

    1.300 e 500

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2009 - SEFAZ/SP - Analista em Planejamento, Orçamento e Finanças Públicas (Prova 2)

O objetivo da Contabilidade Nacional é fornecer uma aferição macroscópica do desempenho real de uma economia em determinado período de tempo: quanto ela produz, quanto consome, quanto investe, como o investimento é financiado, quais as remunerações dos fatores de produção. Assim, baseado nos conceitos de Contas Nacionais, não se pode dizer que:

  • A.

    o Produto afere o valor total da produção da economia em determinado período de tempo.

  • B.

    o Investimento corresponde ao acréscimo de estoque físico de capital, compreendendo a formação de capital fixo mais a variação de estoques.

  • C.

    a Renda Disponível do Setor Público corresponde ao total da arrecadação fiscal, deduzidos os subsídios e as transferências ao setor privado.

  • D.

    a diferença entre a renda líquida enviada ao exterior e o saldo das importações e exportações de bens e serviços não-fatores é chamada de Poupança Externa (Se).

  • E.

    a Renda Nacional é igual ao Produto Nacional Líquido, a preço de mercado.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2008 - STN - Analista de Finanças e Controle AFC

Considere os seguintes dados, em unidades monetárias, referentes a uma economia hipotética:

● Consumo do Governo: 200

● Transferências realizadas pelo Governo: 100

● Subsídios: 20

● Impostos Diretos: 300

● Impostos Indiretos: 400

● Outras Receitas Correntes do Governo: 120

● Exportações de bens e serviços: 100

● Importações de bens e serviços: 200

● Renda Líquida Enviada ao Exterior: 100

● Variação de Estoques: 100

● Poupança Bruta do Setor Privado: 200

Com base nessas informações, e considerando as identidades macroeconômicas básicas, é correto afirmar que a formação bruta de capital fixo é igual a:

  • A.

    950

  • B.

    900

  • C.

    700

  • D.

    750

  • E.

    800

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Considere os seguintes dados:

  • A. 50
  • B. 150.
  • C. 100.
  • D. 200.
  • E. zero
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considere os seguintes dados extraídos da conta de bens e serviços de um sistema de contas nacionais que segue a metodologia adotada no Brasil:

Produção = 6000

 Importação de bens e serviços = 250

Impostos sobre produto = 550

Consumo intermediário = 2850

 Formação bruta de capital fixo = 430

 Variação de estoques = 25

Exportação de bens e serviços = 235

 Com base nesses dados, o consumo final foi de

  • A. 2890.
  • B. 3010.
  • C. 3285.
  • D. 3005.
  • E. 3260.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considere os seguintes dados:

Exportações de bens e serviços não fatores = 200

 Importação de bens e serviços não fatores = 100

Renda líquida enviada ao exterior = 200

Variação de estoques = 30

Poupança líquida do setor privado = 200

Depreciação = 50

Poupança do governo = 150

Com base nessas informações, a formação bruta de capital fixo foi de

  • A. 450.
  • B. 550.
  • C. 400.
  • D. 470.
  • E. 530.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2005 - MPOG - Analista de Planejamento e Orçamento APO

Considere os seguintes dados de um sistema de contas nacionais, que segue a metodologia do sistema adotado no Brasil, em unidades monetárias:

Produção = 1200

Importação de bens e serviços = 60

Impostos sobre produtos = 70

Consumo final = 600

Formação bruta de capital fixo = 100

Variação de estoques = 10

Exportações de bens e serviços = 120

Com base nessas informações, o consumo intermediário é igual a

  • a.

    500

  • b.

    400

  • c.

    450

  • d.

    550

  • e.

    600

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2005 - MPOG - Analista de Planejamento e Orçamento APO

Considere os seguintes dados:

Investimento privado = 300

Poupança privada = 300

Investimento público = 200

Poupança do governo = 100

Com base nessas informações e considerando as identidades macroeconômicas básicas, a economia apresenta

  • a.

    um déficit em transações correntes de 100 e um superávit público de 100.

  • b.

    um superávit em transações correntes de 100 e um déficit público de 100.

  • c.

    um déficit em transações correntes de 100 e um déficit público de 100.

  • d.

    um déficit em transações correntes de 100 e um déficit público nulo.

  • e.

    um déficit em transações correntes nulo e um superávit público de 100.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Contabilidade Social - Escola de Administração Fazendária (ESAF) - 2005 - MPOG - Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental EPPGG

Considere os seguintes dados de um sistema de contas nacionais que segue a metodologia do sistema adotado no Brasil, em unidades monetárias:

Produção = 1.300

Importação de bens e serviços = 70

Impostos sobre produtos = 85

Consumo intermediário = 607

Consumo final = 630

Variação de estoques = 13

Exportações de bens e serviços = 55

Com base nessas informações, a formação bruta de capital fixo é igual a:
  • a.

    150

  • b.

    100

  • c.

    50

  • d.

    200

  • e.

    250

Clique em uma opção abaixo para responder a questão: