Questões sobre Código de Ética do Assistente Social da VUNESP

O debate sobre a ética e a política que atinge a sociedade tem também suas refrações na profissão, sendo parte da busca mais ampla de um reencontro entre ética, política e profissão. Esse movimento leva a repensar tanto a política como a prática profissional, como práticas que têm por horizonte a constituição de sujeitos políticos coletivos. Dentre os princípios fundamentais expressos no Código de Ética Profissional dos Assistentes Sociais, destaca-se a(o)

  • A.

    contribuição dos profissionais para a viabilização da participação efetiva da população usuária nas decisões institucionais.

  • B.

    devolutiva das informações colhidas nos estudos e pesquisas aos usuários, no sentido de que estes possam utilizá-las para o fortalecimento de seus interesses.

  • C.

    emprego com transparência das verbas sob sua responsabilidade, de acordo com os interesses e necessidades coletivas dos usuários.

  • D.

    opção por um projeto profissional vinculado ao processo de construção de uma nova ordem societária, sem a dominação-exploração de classe, etnia e gênero.

  • E.

    participação em entidades representativas da categoria que tenham por finalidade a produção do conhecimento e a fiscalização do exercício profissional.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Historicamente, desde a sua origem, o Serviço Social se configura como uma profissão fortemente influenciada pelo conservadorismo moral e político. Os Códigos de Ética profissionais bem exemplificam esse dado: entre 1947 – data do primeiro código – e 1986 – quando é rompida a concepção tradicional – passaram-se trinta e oito anos de vigência de códigos pautados na perspectiva ética tradicional conservadora. Conforme expresso no Código de Ética de 1993, dentre os direitos do assistente social, destaca-se
  • A. o exercício controlado das atividades inerentes à profissão.
  • B. a utilização do seu número de registro no Conselho Regional, no exercício da profissão.
  • C. o desagravo público por ofensa que atinja a sua honra profissional.
  • D. a obediência plena às determinações institucionais, resguardados os objetivos específicos da ação.
  • E. a democratização das informações e do acesso aos programas disponíveis no espaço institucional.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Para se pensar as relações entre ética e o debate contemporâneo do Serviço Social, parte-se da premissa de que as particularidades da polêmica da profissão, nas últimas décadas, são tributárias da complexificação do Estado e da sociedade no país, em função das novas condições econômicas e políticas, criadas pela ditadura militar e sua crise. Foi portanto com a crise do regime ditatorial, expressa no contexto de lutas pela redemocratização da sociedade brasileira, que se gestou uma abrangente, profunda e plural renovação do Serviço Social. Essa renovação se impôs como socialmente necessária à construção de respostas profissionais àquela crise, no sentido de o Serviço Social
  • A. garantir e preservar sua própria contemporaneidade.
  • B. assegurar e possibilitar sua consolidação como profissão autônoma.
  • C. justificar e revalidar seu compromisso histórico com as classes trabalhadoras.
  • D. atualizar e inscrever seu ideário no conjunto das relações capitalistas contraditórias.
  • E. interferir e contribuir para o combate à sociedade de classes no sistema capitalista.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O novo Código de Ética Profissional (1993) do Serviço Social reafirma o projeto profissional comprometido com as classes trabalhadoras e dá outro tratamento à dimensão da profissão. Esse código de Ética propõe
  • A. acesso a bens e serviços relativos aos programas e políticas mais socializadas.
  • B. manutenção dos princípios e valores inscritos no código de Ética (1986) sem modificações significativas.
  • C. fortalecimento da concepção conservadora e de valores da sociedade capitalista.
  • D. fundamentação no humanismo cristão com ênfase no individualismo e na defesa da justiça social.
  • E. ampliação da liberdade, concebida como autonomia, emancipação e defesa da eqüidade e justiça social.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Dentre os direitos e responsabilidades gerais do Assistente Social previstos no código de Ética Profissional – Resolução n.º 273 de 1993, encontra-se, como um dos seus principais deveres,
  • A. participar da formulação, gerenciamento e avaliação de políticas públicas no país.
  • B. ter, sem restrições, ampla autonomia no exercício profissional em qualquer instituição social.
  • C. desempenhar suas atividades profissionais, com eficiência e responsabilidade, observando a legislação em vigor.
  • D. utilizar o seu número de registro no Conselho Regional no exercício profissional.
  • E. adulterar os resultados e fazer declarações falaciosas sobre situações ou estudos de que tome conhecimento.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Nos termos do Código de Ética do assistente social, "esclarecer aos usuários, ao iniciar o trabalho, sobre os objetivos e a amplitude de sua atuação profissional" é

__________ do assistente social. Assinale a alternativa que completa corretamente a frase.

  • A.

    uma opção

  • B.

    um compromisso

  • C.

    um dever

  • D.

    um direito

  • E.

    um posicionamento

Clique em uma opção abaixo para responder a questão: