Como fazer Resumos para Concursos

Diego Monteiro atualmente é servidor público em Brasília e escreve sobre vários temas para concurso público. Já foi aprovado para diversos cargos e no Exame da OAB.

INTERPRETE O TEXTO

A parte mais importante que muitos estudantes não dão a devida atenção quando se perguntam como fazer resumos, é a atenção que deve ser dada na hora de ler o texto e interpretá-lo. Sem compreender o que está sendo tratado ou se não prestar muita atenção no texto, o estudante não conseguirá resumir as ideias de forma eficiente pois, assim, não saberá o que é mais relevante a ser destacado no material lido. Portanto, na hora que estiver lendo foque sua atenção inteiramente no texto e, se precisar para uma melhor compreensão, leia mais vezes! Procure ficar em um ambiente calmo, onde não terá distrações; desligue aparelhos eletrônicos, estude em um ambiente iluminado e acostume-se, também, a ler em ambientes com barulho.

SELECIONE PALAVRAS-CHAVES

Um dos maiores desafios para os estudantes é entender quais ideias devem fazer parte do resumo. Ao longo da leitura, destaque palavras-chaves do texto. Palavras-chaves são aquelas que representam, da melhor forma, a ideia do material lido. Para entender o que vale a pena colocar no resumo você deve se perguntar: qual a ideia principal? O que o texto quis transmitir? Imagine que você precise transmitir o que foi lido para alguém: quais seriam as ideias principais que você deveria falar para a pessoa que está ouvindo? São essas ideias que merecem ser transmitidas e, de preferência, com as suas palavras!

PESQUISE SOBRE O TEMA ESTUDADO!

Se a ideia não ficou clara, pesquise em outras fontes! Enquanto puder ter consulta a outro material, utilize de dicionários, outros textos ou autores. Isso é muito importante, por exemplo, na hora de estudar para as provas da faculdade e para você aprender como fazer resumos.
Como a intenção do resumo é revisar de forma rápida e prática, as ideias precisam estar claras. Portanto, não economize na hora de pesquisar para elaborá-lo.

PRATIQUE!

Leia muito e pratique a redação! Mesmo que você não esteja estudando para uma prova como vestibular, Enem ou algum concurso público que preveja redação, é necessário manter-se atualizado e ter o hábito da leitura! Com a leitura frequente o estudante saberá melhor como fazer resumos, visto que melhorará sua técnica de escrita, saberá usar melhor palavras sinônimas e poderá praticar melhor, assim, sua habilidade de resumir.

ESTUDE DO MELHOR JEITO PARA VOCÊ!

Se o resumo é exclusivamente para uso pessoal, você pode utilizar de outras formas para resumir a matéria: desenhos, mapas mentais, macetes, lei seca e questões sobre o tema são ótimas opções para incluir nos seus estudos!

Portanto, estudantes, exercitem a capacidade de resumir através dessas dicas, que são essenciais para uma boa revisão na hora de seus estudos!


Você também pode gostar

Classificação dos Bens Públicos O assunto bens públicos, apesar de ser  recorrente em prova,  as bancas normalmente não cobram pontos mais complicados, acabando seguindo o caminho mais trivial. Mas isso não quer dizer que você não deva estudar, afinal você sabe que um pontinho é...
Classificação dos Agentes Públicos Agente público é toda pessoa física que exerce, de forma transitória ou definitiva, com ou sem remuneração, alguma função pública. Veja a Classificação dos Agentes Públicos: Os agentes públicos subdividem-se em três espécies: Agente político Ocu...
Conceito de Constituição Hoje vamos estudar o conceito de Constituição. Primeiramente, você deve entender que a Constituição é a Lei fundamental e suprema de um Estado. Ela é criada pela vontade soberana do povo. É ela também que determina a organização político-jurídica do ...
Como estudar no fim do ano Com o período de férias e festas de fim de ano, muitos estudantes perguntam-se: como estudar no fim do ano? Seria necessário fazer uma pausa ou o certo seria continuar estudando? Aqui estão algumas dicas para você não perder tempo do seu estudo, mas ...
Como estudar a Lei Seca – Parte 2 Uns dos desafios mais difíceis enfrentados pelos concurseiros, certamente é a leitura da lei seca. Por ser um texto muitas vezes difícil de interpretar até pelos doutrinadores e ser uma leitura cansativa, os estudantes costumam deixar essa parte impo...

Deixe uma resposta