Questões de Serviço Social da FCC

Frente à questão social e suas expressões, na atualidade, sob a ótica da categoria profissional, considere as assertivas abaixo.

I. A questão social é indissociável da forma de organização da sociedade capitalista, que tanto promove o desenvolvimento das forças produtivas do trabalho social, como também expande e aprofunda as relações de desigualdade, miséria e pobreza.

II. Na atualidade a questão social passa a ser objeto de um violento processo de criminalização que atinge todas as classes sociais.

III. As propostas imediatas para o enfrentamento da questão social, nos dias atuais, remetem-se a articulação assistência focalizada/ repressão.

IV. As configurações assumidas pela questão social são condicionadas pela formação cultural brasileira, em seus traços de clientelismo.

Exprime a veracidade frente à questão social o que consta APENAS em

  • A. I, II e III.
  • B. II, III e IV.
  • C. I, III e IV.
  • D. II e III.
  • E. I.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Sobre Políticas Públicas é correto afirmar:
  • A. As Políticas de Saúde e de Assistência Social divergem quanto aos princípios e diretrizes em função de suas especificidades.
  • B. A questão social precisa ter visibilidade e entrar na agenda política para demandar a criação e implementação da política pública.
  • C. A avaliação dos resultados de uma política pública depende de sua completa implementação pelas esferas federal, estadual e municipal.
  • D. Como Política contributiva, a Assistência Social visa reparar e superar as desigualdades sociais.
  • E. Em sua concepção teórica, a política pública tem um ciclo que envolve sua criação, implementação, avaliação e não extinção.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O atual Projeto Ético-político do Serviço Social tem sua origem no debate democrático da categoria que se iniciou nos anos 80 e consolidou um novo código de ética, editado em 1993. O contexto desse debate implicava em enfrentar os desafios advindos da onda conservadora e neoliberal que aterrorizava o Brasil à época. Assim, alguns princípios são fundamentais nessa nova orientação ética. Dentre eles se destaca:
  • A. liberdade - entendida como valor absoluto e independente de diferentes fatores históricos. Trata-se, portanto, da liberdade como valor abstrato que favorece a autonomia profissional.
  • B. liberdade - entendida como um valor relativo condicionado às determinações da realidade histórica. Desse modo, o exercício da liberdade está vinculado a uma dimensão teleológica e à realização de um projeto.
  • C. ampliação e consolidação da cidadania - considerada um valor apenas para a sociedade burguesa, sem, contudo, significar garantia dos direitos civis, sociais e políticos da classe trabalhadora.
  • D. aprofundamento da democracia, como modelo que se refere exclusivamente à gestão das instituições sem considerar a riqueza socialmente produzida.
  • E. seletividade de acesso aos bens e serviços - relativos aos programas e políticas sociais, assim como sua gestão democrática.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

As lacunas I e II são, correta e respectivamente, preenchidas com

  • A. demanda institucional − política social trabalhada
  • B. identificação territorial − diagnóstico sócio-territorial
  • C. determinação do objeto − demanda social determinada
  • D. filiação teórica/projeto ético − político profissional
  • E. demanda social − demanda profissional
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A pesquisa social favorece a obtenção de novos conhecimentos acerca da realidade social, e cada tipo de pesquisa tem um objetivo específico. Sendo assim, a pesquisa com objetivo de identificar fatores que contribuem para um determinado fenômeno é denominada pesquisa
  • A. participativa.
  • B. exploratória.
  • C. descritiva.
  • D. explicativa.
  • E. grupal.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Nos anos de 1990, tanto no Brasil, quanto em outros países latino-americanos, são implementados programas seletivos e focalizados de combate a pobreza. Essa opção estatal rebate na referência teórica metodológica do Serviço Social, pois provoca
  • A. uma maior aceitação da atuação estatal.
  • B. uma crise de modelo analítico.
  • C. um fenômeno de ampliação da militância.
  • D. um descontrole das práticas em Serviço Social.
  • E. uma ampliação para atuação do/da assistente social.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A configuração social da profissão depende decisivamente das respostas dos agentes profissionais a um dado contexto social, articuladas em torno do projeto profissional de caráter ético-político. Os projetos profissionais são construídos por um sujeito coletivo e são indissociáveis dos projetos societários que lhes oferecem matrizes e valores. Assim, o projeto ético-político profissional operacionaliza-se supondo
  • A. o reconhecimento das condições sócio-históricas que circunscrevem o trabalho do/da assistente social na atualidade, estabelecendo limites e possibilidades à plena realização do mesmo.
  • B. que o mesmo expressa o desenvolvimento teórico e prático da profissão, independente das mudanças na sociedade atual.
  • C. as competências e atribuições privativas do/da assistente social, lançando um olhar para a realidade social da classe trabalhadora.
  • D. que seus pilares legais são: o Código de Ética, a Lei de Regulamentação da Profissão, as Diretrizes Curriculares e as Legislações das Políticas Sociais.
  • E. novas formas de atuação do/da assistente social, inclusive, por conta da pluralidade, considerar as tendências tanto regressivas como de militância política da profissão.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
O Serviço Social ao longo de sua trajetória histórica tem a família como sujeito de sua intervenção. A relação Serviço Social e família está vinculada, nas décadas de 1940 a 1950, ao Serviço Social norte-americano. Nesse período, o marco conceitual da profissão era o método
  • A. Caso.
  • B. Grupo.
  • C. Comunidade.
  • D. Socioeducação.
  • E. Dialético.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Tendo sido solicitado para atender uma família que apresentava dificuldades de acesso à rede pública de educação por se tratar de um adolescente que já havia cumprido medida socioeducativa, se fez necessária a elaboração de um estudo social. Esse procedimento implica em
  • A. leitura fundamentada em padrões definidos pela sociabilidade vigente, mas que convirja para padrões éticos e morais pautada na liberalidade. É responsabilidade do assistente social, ao elaborar esse instrumental operativo, comparar os relatos dos usuários com o dispositivo legal da instituição onde atua.
  • B. estabelecer relações com sujeitos históricos, que vivem situações concretas, construídas socialmente, partindo do pressuposto de que nesse estudo se deve considerar a dimensão do trabalho, da família, das politicas sociais, da cultura etc. Além disso, se faz necessária a reflexão sobre o significado dessas dimensões e as relações que as determinam, inseridas na totalidade do mundo social.
  • C. construir a história social dos sujeitos e sua família, desse modo sua principal fonte não pode ser o relato oral, mas sim as pesquisas realizadas nas instituições onde já foram atendidos. Na situação específica apontada no enunciado, o estudo de caso só poderá ser concluído a partir do posicionamento dos profissionais que atenderam o adolescente no Centro de Referência Especializado de Assistência Social, responsável pelo atendimento de medidas socioeducativas.
  • D. organizar um conjunto de conhecimentos sobre os cidadãos em atendimento, mas não se constituir em uma verdade em função de diferentes interpretações sobre o mesmo fato social. Desse modo, todo o parecer deve ser inconcluso, dependendo do posicionamento de profissionais de outras áreas.
  • E. identificar as informações colhidas com um referencial teórico do serviço social, mas ter clareza de que o “estudo social” não é um instrumento técnico operativo a ser utilizado pelo Ministério Público Estadual, na medida em que se trata de uso exclusivo do Poder Judiciário para instrumentalizar decisões dos juízes de 1a instância.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A escolha da metodologia de um programa e/ou projeto descreve o caminho a percorrer para alcançar os objetivos dos mesmos. Entre as metodologias alternativas adotadas está o Mapa Falado, que possibilita um
  • A. desenho representativo do território.
  • B. desenho idealizado do território.
  • C. mapa decorativo do território.
  • D. mapa com a rede de serviço.
  • E. mapa para implantação de serviços públicos.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: