Questões sobre Oncologia (Cancerologia Clínica)

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Programa de Residência Médica em Especialidade com Exigência de Pré Requisito: Cancerologia Clínica

Uma paciente de 28 anos de idade comparece ao pronto atendimento do hospital com histórico de infecção urinária de repetição, sendo o último episódio há nove dias, além de quadro de febre, disúria e dor em lombar à direita. Tem urocultura de uma semana positiva para E. coli multissensível e β-lactamase de espectro estendido (ESBL) positiva (em duas uroculturas com intervalo de sete dias, com mesmo agente > 105 UFC/mL).

Com relação a esse caso clínico, julgue os itens a seguir.

Nesse caso, por ser o agente multissensível, é correto iniciar cefalosporina de 3a geração pelo histórico de repetição.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Programa de Residência Médica em Especialidade com Exigência de Pré Requisito: Cancerologia Clínica

Um paciente idoso, de 81 anos de idade, é admitido na enfermaria com quadro de fratura de fêmur proximal. O paciente apresenta letargia com sonolência e está incapaz de manter raciocínio sequenciado, distraindo-se com muita facilidade. É quadro com curso flutuante, com paciente previamente bem e, em alguns momentos do dia, apresentando o quadro descrito. A família relata que, ao entardecer, o paciente ficou agressivo, querendo descer da cama, cuspindo e desrespeitando todos, até mesmo com palavrões, o que nunca o tinham visto fazer antes.

Considerando esse caso clínico e os conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

Para esse paciente, uma contraindicação formal ao plano terapêutico de 4 mg de haloperidol para 1 mg de diazepan, em caso de dificuldade de contenção, é a cardiomiopatia dilatada, devendo-se fazer um ECG antes e durante o curso da terapêutica, em razão do risco de cardioarritmias graves.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Programa de Residência Médica em Especialidade com Exigência de Pré Requisito: Cancerologia Clínica

Considere um paciente de 58 anos de idade, etilista, com hipertensão arterial e doença renal crônica. Apresenta irregularidade nas sessões de terapia renal substitutiva e comparece a consulta médica com histórico de batedeira, ortopneia, PA = 89 mmHg x 43 mmHg; FC = 126 bpm; SatO2 = 95% (ar ambiente), FR = 26 ipm, ausculta pulmonar limpa e ausculta cardíaca quase inaudível. Encaminhado para sala de ecofluxo, retorna com o ecocardiograma mostrado: dilatação acentuada do átrio esquerdo e moderada do VE; hipertrofia excêntrica do VE; função sistólica do VE deprimida em grau moderado; hipocinesia difusa do VE; insuficiência mitral discreta; e derrame pericárdico de grau acentuado com sinais ecocardiográficos de aumento das pressões intrapericárdicas – sinal de “swimming heart”.

Quanto a esse caso clínico, julgue os itens a seguir.

Faz parte do tratamento o uso de colchicina 0,5 mg duas a quatro vezes ao dia por três meses, associado ao tratamento com AINE.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Programa de Residência Médica em Especialidade com Exigência de Pré Requisito: Cancerologia Clínica

Considere um paciente de 58 anos de idade, etilista, com hipertensão arterial e doença renal crônica. Apresenta irregularidade nas sessões de terapia renal substitutiva e comparece a consulta médica com histórico de batedeira, ortopneia, PA = 89 mmHg x 43 mmHg; FC = 126 bpm; SatO2 = 95% (ar ambiente), FR = 26 ipm, ausculta pulmonar limpa e ausculta cardíaca quase inaudível. Encaminhado para sala de ecofluxo, retorna com o ecocardiograma mostrado: dilatação acentuada do átrio esquerdo e moderada do VE; hipertrofia excêntrica do VE; função sistólica do VE deprimida em grau moderado; hipocinesia difusa do VE; insuficiência mitral discreta; e derrame pericárdico de grau acentuado com sinais ecocardiográficos de aumento das pressões intrapericárdicas – sinal de “swimming heart”.

Quanto a esse caso clínico, julgue os itens a seguir.

Não é necessário que o líquido drenado seja analisado, por se tratar de processo inflamatório.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Residência Médica em Cancerologia Clínica Integrada (Residência em Cirurgia Geral: Cirurgia Torácica)

Um paciente de 44 anos de idade, vítima de colisão carro x poste, chega ao pronto-socorro do hospital, levado pela ambulância, em Glasgow 9 (abertura ocular 3; resposta verbal 3; resposta motora 3), ventilando em máscara com reservatório a 5 L/min, imobilizado padrão ATLS (Advanced Trauma Life Support), com colar cervical em maca rígida, com dois acessos venosos periféricos, recebendo soro glicofisiológico 500 mL em ambos os acessos venosos. À chegada, os sinais vitais do paciente são: PA = 80 mmHg x 40 mmHg; FC = 125 bpm; FR = 32 mrpm e saturação de O2 = 86% (ar ambiente).

Com base no caso clínico descrito e nos conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

Considerando-se o histórico do acidente e os sinais vitais desse paciente no momento da respectiva chegada ao pronto-socorro, é correto classificá-lo como choque hemorrágico classe II.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Residência Médica em Cancerologia Clínica Integrada (Residência em Cirurgia Geral: Cirurgia Torácica)

Certo paciente de 10 anos de idade chegou ao pronto-socorro em ambulância após colisão motocicleta x bicicleta. O paciente estava na bicicleta e não utilizava capacete no momento da colisão. À chegada, ao exame físico, verificaram-se: Glasgow 6, PA = 120 mmHg x 80 mmHg; FC = 90 bpm; FR = 22 mrpm e saturação de O 2 = 96% (ar ambiente).

Levando-se em consideração os dados do caso clínico mencionado, julgue os itens a seguir.

Todos os traumatismos cranioencefálicos (TCE) em crianças abaixo de 12 anos de idade devem receber tratamento conservador, independentemente da respectiva magnitude.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Residência Médica em Cancerologia Clínica Integrada (Residência em Cirurgia Geral: Cirurgia Torácica)

Um paciente de 64 anos de idade foi vítima de ferimento por arma branca (FAB) em ápice de hemitórax direito, após briga em um bar. Chegou ao pronto-socorro levado pela equipe do SAMU, a qual refere que a faca não estava no corpo da vítima já na chegada do socorro, e ele encontrava-se extremamente alcoolizado, segundo relato de populares que estavam no local. Os sinais vitais da chegada foram os seguintes: PA = 80 mmHg x 40 mmHg; FC = 125 bpm; FR = 32 mrpm e saturação de O2 = 82% (ar ambiente).

A respeito desse caso clínico e com base nos conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

Se, após a toracostomia com tubo, a drenagem tivesse aspecto hemático e débito inicial superior a 1.000 mL, a toracotomia de urgência estaria indicada.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Residência Médica em Cancerologia Clínica Integrada (Residência em Cirurgia Geral: Cirurgia Torácica)

Uma paciente de 25 anos de idade encontra-se no oitavo dia de pós-operatório de uma apendicectomia complicada (com necrose apendicular). Procurou pronto atendimento queixando-se de dor intensa em fossa ilíaca direita, febre há 24 horas e inapetência.

Com relação ao referido caso clínico e com base nos conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

A taquicardia na paciente em tela deve ser considerada como sinal precoce de abscesso intra-abdominal.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Residência Médica em Cancerologia Clínica Integrada (Residência em Cirurgia Geral: Cirurgia Torácica)

Um paciente de 62 anos de idade, obeso, diabético, tabagista pesado, com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) em tratamento irregular, retornou ao consultório médico oito meses após ter realizado laparotomia exploradora (por incisão mediana) após acidente automobilístico. O paciente relatou abaulamento no local da incisão mediana e dor moderada aos esforços. Negou outras queixas.

Quanto a esse caso clínico e com base nos conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

O fato de o paciente ter diabetes não pode ser considerado como fator de risco para o desenvolvimento de hérnia inicisional de parede abdominal.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Medicina - Oncologia (Cancerologia Clínica) - Instituto Americano de desenvolvimento (IADES) - 2019 - Escola Superior de Ciências da Saúde - DF (ESCS/DF) - Residência Médica em Cancerologia Clínica Integrada (Residência em Cirurgia Geral: Cirurgia Torácica)

Um paciente de 62 anos de idade, obeso, diabético, tabagista pesado, com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) em tratamento irregular, retornou ao consultório médico oito meses após ter realizado laparotomia exploradora (por incisão mediana) após acidente automobilístico. O paciente relatou abaulamento no local da incisão mediana e dor moderada aos esforços. Negou outras queixas.

Quanto a esse caso clínico e com base nos conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir.

Sintomas como vômitos, obstrução intestinal e dor intensa poderiam ser apresentados pelo paciente descrito, se ele tivesse encarceramento da respectiva hérnia.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: