Um homem de 48 anos de idade procurou o serviço de pront...

Um homem de 48 anos de idade procurou o serviço de pronto-socorro e relatou que apresentou, de forma súbita, enquanto assistia a uma partida final de campeonato de futebol, forte dor retroesternal em aperto, com irradiação para o ombro e o membro superior esquerdos, associada a náuseas e sudorese fria profusa há 2 horas, sem fatores de alívio. O paciente informa ser previamente assintomático, sedentário, tabagista, com colesterol alto; além disso, seu genitor faleceu de ataque cardíaco aos 45 anos de idade. O exame clínico, na sala de emergência, evidenciou: paciente ansioso, agitado, sudorético, com pressão arterial = 140 mmHg × 90 mmHg, frequência cardíaca de 115 bpm, ritmo cardíaco regular e taquicárdico em 3 tempo à custa de quarta bulha, sem sopros, pulsos periféricos palpáveis e simétricos. Os pulmões estavam limpos, sem ruídos adventícios; o abdome, livre, com ruídos hidroaéreos presentes. Foi realizado eletrocardiograma que mostrou: taquicardia sinusal, presença de onda Q profunda e alargada, supradesnivelamento do segmento ST com concavidade para baixo (de 4 mm) e ondas T opostas à maior deflexão do QRS nas derivações de D1 aVL e de V1 a V6. Colheu-se material para exames laboratoriais destinados à avaliação do quadro.

Considerando esse quadro clínico, julgue os itens de 81 a 88.

Considerando o quadro clínico e sua causa mais frequente, provavelmente a expressão clínica observada nesse paciente depende, do ponto de vista fisiopatológico, principalmente de grave redução no fluxo sanguíneo coronariano, associada à redução da oferta de oxigênio para o miocárdio.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

A trombose venosa aguda é a oclusão por trombo de uma veia seguida de uma reação inflamatória na parede do vaso. Sobre a trombose venosa aguda podemos afirmar:

I – A fisiopatologia da trombose venosa baseia-se na tríade de Virchow: lesão do vaso, estase venosa e alteração na crase sanguínea).

II – O tratamento clínico da trombose venosa superficial aguda baseia-se no uso de anti-inflamatórios e analgésicos, repouso relativo em Trendelemburg e, calor úmido local, gel ou pomadas heparinoides nos locais de maior dor.

III – O diagnóstico clínico é a principal arma propedêutica para o diagnóstico de Trombose Venosa Profunda, havendo necessidade da realização da ultrassonografia Doppler colorida venosa de membros inferiores apenas em casos duvidosos.

Resolva a questão aqui ›


Determinado servidor público foi demitido do cargo que ocupava na Administração Pública. Irresignado, ajuizou ação requerendo a reintegração no cargo, tendo obtido êxito com definitividade. Em consequência, e observado o disposto na Lei nº 8.112/90, esse servidor deverá ser

Resolva a questão aqui ›