Questões sobre Interpretação de Textos do ENEM

Selecione questões do ENEM nos filtros abaixo

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Educação para a saúde mediante programas de educação física escolar


A educação para a saúde deverá ser alcançada mediante interação de ações que possam envolver o próprio homem mediante suas atitudes frente às exigências ambientais representadas pelos hábitos alimentares, estado de estresse, opções de lazer, atividade física, agressões climáticas etc. Dessa forma, parece evidente que o estado de ser saudável não é algo estático. Pelo contrário, torna-se necessário adquiri-lo e construí-lo de forma individualizada constantemente ao longo de toda a vida, apontando para o fato de que saúde é educável e, portanto, deve ser tratada não apenas com base em referenciais de natureza biológica e higienista, mas sobretudo em um contexto didático-pedagógico.

GUEDES, D. P. Motriz, n. 1, 1999.


A educação para a saúde pressupõe a adoção de comportamentos com base na interação de fatores relacionados à

    A) adesão a programas de lazer.
    B) opção por dietas balanceadas.
    C) constituição de hábitos saudáveis.
    D) evasão de ambientes estressores.
    E) realização de atividades físicas regulares.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

TEXTO I

O Estatuto do Idoso completou 15 anos em 2018 e só no primeiro semestre o Disque 100 recebeu 16 mil denúncias de violação de direitos dos idosos em todo o País.

Para especialistas da área, o aumento no número de denúncias pode ser consequência do encorajamento dos mais velhos na busca pelos direitos. Mas também pode refletir uma onda crescente de violência na sociedade e dentro das próprias famílias.

Políticas públicas mais eficazes no atendimento ao idoso são o mínimo que um país deve estabelecer. O Brasil está ficando para trás e é preciso levar em consideração que o País envelhece (tendência mundial) sem estar preparado para arcar com os desafios, como criar uma rede de proteção, preparar os serviços de saúde pública e dar suporte às famílias que precisam cuidar de seus idosos dependentes.

Disponível em: www.folhadelondrina.com.br. Acesso em: 9 dez. 2018 (adaptado).


TEXTO II



Na comparação entre os textos, conclui-se que as regras do Estatuto do Idoso

    A) apresentam vantagens em relação às de outros países.
    B) são ignoradas pelas famílias responsáveis por idosos.
    C) alteram a qualidade de vida das pessoas com mais de 60 anos.
    D) precisam ser revistas em razão do envelhecimento da população.
    E) contrastam com as condições de vida proporcionadas pelo País.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Com o enredo que homenageou o centenário do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, a Unidos da Tijuca foi coroada no Carnaval 2012.

A penúltima escola a entrar na Sapucaí, na segunda noite de desfiles, mergulhou no universo do cantor e compositor brasileiro e trouxe a cultura nordestina com criatividade para a Avenida, com o enredo O dia em que toda a realeza desembarcou na Avenida para coroar o Rei Luiz do Sertão.

Disponível em: www.cultura.rj.gov.br. Acesso em: 15 maio 2012 (adaptado).


A notícia relata um evento cultural que marca a

    A) primazia do samba sobre a música nordestina.
    B) inter-relação entre dois gêneros musicais brasileiros.
    C) valorização das origens oligárquicas da cultura nordestina.
    D) proposta de resgate de antigos gêneros musicais brasileiros.
    E) criatividade em compor um samba-enredo em homenagem a uma pessoa.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Blues da piedade

Vamos pedir piedade

Senhor, piedade

Pra essa gente careta e covarde

Vamos pedir piedade

Senhor, piedade

Lhes dê grandeza e um pouco de coragem

CAZUZA. Cazuza: o poeta não morreu. Rio de Janeiro: Universal Music, 2000 (fragmento).


Todo gênero apresenta elementos constitutivos que condicionam seu uso em sociedade. A letra de canção identifica-se com o gênero ladainha, essencialmente, pela utilização da sequência textual

    A) expositiva, por discorrer sobre um dado tema.
    B) narrativa, por apresentar uma cadeia de ações.
    C) injuntiva, por chamar o interlocutor à participação.
    D) descritiva, por enumerar características de um personagem.
    E) argumentativa, por incitar o leitor a uma tomada de atitude.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia


Nesse cartaz, o uso da imagem do calçado aliada ao texto verbal tem o objetivo de

    A) criticar as difíceis condições de vida dos refugiados.
    B) revelar a longa trajetória percorrida pelos refugiados.
    C) incentivar a campanha de doações para os refugiados.
    D) denunciar a situação de carência vivida pelos refugiados.
    E) simbolizar a necessidade de adesão à causa dos refugiados.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Uma ouriça

Se o de longe esboça lhe chegar perto,

se fecha (convexo integral de esfera),

se eriça (bélica e multiespinhenta):

e, esfera e espinho, se ouriça à espera.

Mas não passiva (como ouriço na loca);

nem só defensiva (como se eriça o gato);

sim agressiva (como jamais o ouriço),

do agressivo capaz de bote, de salto

(não do salto para trás, como o gato):

daquele capaz de salto para o assalto.


Se o de longe lhe chega em (de longe),

de esfera aos espinhos, ela se desouriça.

Reconverte: o metal hermético e armado

na carne de antes (côncava e propícia),

e as molas felinas (para o assalto),

nas molas em espiral (para o abraço).

MELO NETO, J. C. A educação pela pedra. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997.


Com apuro formal, o poema tece um conjunto semântico que metaforiza a atitude feminina de

    A) tenacidade transformada em brandura.
    B) obstinação traduzida em isolamento.
    C) inércia provocada pelo desejo platônico.
    D) irreverência cultivada de forma cautelosa.
    E) desconfiança consumada pela intolerância.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Menina

A máquina de costura avançava decidida sobre o pano. Que bonita que a mãe era, com os alfinetes na boca. Gostava de olhá-la calada, estudando seus gestos, enquanto recortava retalhos de pano com a tesoura. Interrompia às vezes seu trabalho, era quando a mãe precisava da tesoura. Admirava o jeito decidido da mãe ao cortar pano, não hesitava nunca, nem errava. A mãe sabia tanto! Tita chamava-a de ( ) como quem diz ( ). Tentava não pensar as palavras, mas sabia que na mesma hora da tentativa tinha-as pensado. Oh, tudo era tão difícil. A mãe saberia o que ela queria perguntar-lhe intensamente agora quase com fome depressa depressa antes de morrer, tanto que não se conteve e — Mamãe, o que é desquitada? — atirou rápida com uma voz sem timbre. Tudo ficou suspenso, se alguém gritasse o mundo acabava ou Deus aparecia — sentia Ana Lúcia. Era muito forte aquele instante, forte demais para uma menina, a mãe parada com a tesoura no ar, tudo sem solução podendo desabar a qualquer pensamento, a máquina avançando desgovernada sobre o vestido de seda brilhante espalhando luz luz luz.

ÂNGELO, I. Menina. In: A face horrível. São Paulo: Lazuli, 2017.


Escrita na década de 1960, a narrativa põe em evidência uma dramaticidade centrada na

    A) insinuação da lacuna familiar gerada pela ausência da figura paterna.
    B) associação entre a angústia da menina e a reação intempestiva da mãe.
    C) relação conflituosa entre o trabalho doméstico e a emancipação feminina.
    D) representação de estigmas sociais modulados pela perspectiva da criança.
    E) expressão de dúvidas existenciais intensificadas pela percepção do abandono.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

O projeto DataViva consiste na oferta de dados oficiais sobre exportações, atividades econômicas, localidades e ocupações profissionais de todo o Brasil. Num primeiro momento, o DataViva construiu uma ferramenta que permitia a análise da economia mineira embasada por essa perspectiva metodológica complexa e diversa. No entanto, diante das possibilidades oferecidas pelas bases de dados trabalhadas, a plataforma evoluiu para um sistema mais completo. De maneira interativa e didática, o usuário é guiado por meio das diversas formas de navegação dos aplicativos. Além de informações sobre os produtos exportados, bem como acerca do volume das exportações em cada um dos estados e municípios do País, em poucos cliques, o interessado pode conhecer melhor o perfil da população, o tipo de atividade desenvolvida, as ocupações formais e a média salarial por categoria.

MANTOVANI, C. A. Guardião de informações. Minas faz Ciência, n. 58, jun.-jul.-ago. 2014 (adaptado).


Entre as novas possibilidades promovidas pelo desenvolvimento de novas tecnologias, o texto destaca a

    A) auditoria das ações de governo.
    B) publicidade das entidades públicas.
    C) obtenção de informações estratégicas.
    D) disponibilidade de ambientes coletivos.
    E) comunicação entre órgãos administrativos.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

Expostos na web desde a gravidez


Mais da metade das mães e um terço dos pais ouvidos em uma pesquisa sobre compartilhamento paterno em mídias sociais discutem nas redes sociais sobre a educação dos filhos. Muitos são pais e mães de primeira viagem, frutos da geração Y (que nasceu junto com a internet) e usam esses canais para saberem que não estão sozinhos na empreitada de educar uma criança. Há, contudo, um risco no modo como as pessoas estão compartilhando essas experiências. É a chamada exposição parental exagerada, alertam os pesquisadores.

De acordo com os especialistas no assunto, se você compartilha uma foto ou vídeo do seu filho pequeno fazendo algo ridículo, por achar engraçadinho, quando a criança tiver seus 11, 12 anos, pode se sentir constrangida. A autoconsciência vem com a idade.

A exibição da privacidade dos filhos começa a assumir uma característica de linha do tempo e eles não participaram da aprovação ou recusa quanto à veiculação desses conteúdos. Assim, quando a criança cresce, sua privacidade pode já estar violada.

OTONI, A. C. O Globo, 31 mar. 2015 (adaptado).


Sobre o compartilhamento parental excessivo em mídias sociais, o texto destaca como impacto o(a)

    A) interferência das novas tecnologias na comunicação entre pais e filhos.
    B) desatenção dos pais em relação ao comportamento dos filhos na internet.
    C) distanciamento na relação entre pais e filhos provocado pelo uso das redes sociais.
    D) fortalecimento das redes de relações decorrente da troca de experiências entre as famílias.
    E) desrespeito à intimidade das crianças cujas imagens têm sido divulgadas nas redes sociais.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Português - Interpretação de Textos - INEP - 2019 - ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio - Primeiro Dia e Segundo Dia

O que é software livre


Software livre é qualquer programa de computador construído de forma colaborativa, via internet, por uma comunidade internacional de desenvolvedores independentes. São centenas de milhares de hackers, que negam sua associação com os “violadores de segurança”. Esses desenvolvedores de software se recusam a reconhecer o significado pejorativo do termo e continuam usando a palavra hacker para indicar “alguém que ama programar e que gosta de ser hábil e engenhoso”. Além disso, esses programas são entregues à comunidade com o código fonte aberto e disponível, permitindo que a ideia original possa ser aperfeiçoada e devolvida novamente à comunidade. Nos programas convencionais, o código de programação é secreto e de propriedade da empresa que o desenvolveu, sendo quase impossível decifrar a programação.

O que está em jogo é o controle da inovação tecnológica. Software livre é uma questão de liberdade de expressão e não apenas uma relação econômica. Hoje existem milhares de programas alternativos construídos dessa forma e uma comunidade de usuários com milhões de membros no mundo.

BRANCO, M. Software livre e desenvolvimento social e económico. In: CASTELLS, M.; CARDOSO, G. (Org). A sociedade em rede: do conhecimento à acção política. Lisboa: Imprensa Nacional, 2005 (adaptado).


A criação de softwares livres contribui para a produção do conhecimento na sociedade porque

    A) democratiza o acesso a produtos construídos coletivamente.
    B) complexifica os sistemas operacionais disponíveis no mercado.
    C) qualifica um maior número de pessoas para o uso de tecnologias.
    D) possibilita a coleta de dados confidenciais para seus desenvolvedores.
    E) insere profissionalmente os hackers na área de inovação tecnológica.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: