Questões sobre Semântica

Os segmentos abaixo estão ligados semanticamente; o segmento em que a troca de posição dos termos sublinhados NÃO é adequada ao contexto é:
  • A. “O tamanho desse problema rompeu fronteiras e torna-se uma praga mundial”;
  • B. “...ignoram os conceitos de moral, ética, direitos, deveres e justiça”;
  • C. “...cada vez mais organizada com braços políticos e até de milícias armadas”;
  • D. Líderes políticos, em conluio com líderes religiosos...”;
  • E. “Da religião à orientação sexual, da cor da pele às convicções políticas”.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

“Ou, quem sabe, intolerantemente irracional”.

O segmento sublinhado tem valor de:

  • A. dúvida;
  • B. opinião;
  • C. certeza;
  • D. interrogação;
  • E. retificação.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
A opção em que o conector sublinhado mostra corretamente seu valor semântico é:
  • A. Diante do número de casos de preconceito explícito” / localização;
  • B. “Um número ainda subnotificado, pois, muitas ocorrências que deveriam ser registradas...” / conclusão;
  • C. “...está cada vez mais organizada com braços políticos e até de milícias armadas...” / companhia;
  • D. “...e até de milícias armadas como o tráfico de drogas” / exemplificação;
  • E. “...somos levados ao questionamento se nossa sociedade corre o risco de estar tornando-se irracionalmente intolerante” / condição.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Um dos processos de reescritura de frases é a substituição de termos por um só vocábulo de valor semântico equivalente; a substituição que é INADEQUADA, entre os casos abaixo, é:
  • A. “A resistência ao desmonte da cultura em cenário de crises graves” / A resistência ao desmonte da cultura em cenário crítico grave;
  • B. “A resistência ao desmonte da cultura em cenário de crises graves” / A resistência ao desmonte cultural em cenário de crises graves;
  • C. “...não se dá por acaso” / não se dá ocasionalmente;
  • D. “...os atos em defesa desta são vistos com desdém” / os atos em defesa desta são vistos desdenhosamente;
  • E. “...capazes de garantir o acesso da população aos bens culturais” / capazes de garantir o acesso populacional aos bens culturais.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
“- na escola, em família, nas ruas, em clubes ou igrejas –“; nesse segmento do texto, assinale a opção que apresenta o termo que destoa dos demais por não fazer parte do mesmo campo semântico.
  • A. na escola.
  • B. em família.
  • C. nas ruas.
  • D. em clubes.
  • E. (em) igrejas.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Considere a relação entre os vocábulos

escrever – caneta.

O par que apresenta uma relação inadequada com o vocábulo dado é:

  • A. pintor / pincel.
  • B. escultor / cinzel.
  • C. regente / batuta.
  • D. baterista / vareta.
  • E. policial / cassetete.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
No título do texto – Febre mundial, abacate ficou mais valioso que petróleo e gerou até tráfico – as orações “mais valioso que petróleo” e “e gerou até tráfico” expressam, correta e respectivamente, sentido de
  • A. condição e oposição, sendo esta última marcada também pela ideia de comparação.
  • B. comparação e adição, sendo esta última marcada também pela ideia de consequência.
  • C. conformidade e conclusão, sendo esta última marcada também pela ideia de adição.
  • D. comparação e explicação, sendo esta última marcada também pela ideia de causa.
  • E. consequência e conclusão, sendo esta última marcada também pela ideia de causa.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Os textos publicitários apresentam recursos linguísticos muito interessantes, por isso constituem um material bastante proveitoso para as atividades de interpretação de texto, sobretudo quando, neles, se detecta o caráter polissêmico. O texto seguinte é bem característico desse traço: “BANHO E TOSA – aqui seu cão sai um gato!”. Com base na significação e no contexto de produção desse texto, o aluno deve concluir que:
  • A. o substantivo gato apresenta um significado conotativo.
  • B. a palavra cão estabelece uma antítese com a palavra gato.
  • C. o termo tosa propicia que se estabeleça a ambiguidade do texto.
  • D. o vocábulo cão foi empregado com base em seu sentido figurado.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

“Ela deve deixar de ser passiva para tornar-se ativa, voluntária: observo o que quero, porque quero, como quero, da forma que quero, quando quero observar.”

O trecho acima fala de vários aspectos da observação; assinale a opção que apresenta o aspecto cujo valor semântico está explicitado erradamente.

  • A. “o que quero” / o objetivo.
  • B. “porque quero” / a explicação.
  • C. "como quero” / o meio.
  • D. “da forma que quero” / o modo.
  • E. “quando quero observar” / o tempo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Assinale a opção em que o diminutivo “velhinho” apresenta valor semântico diferente do da charge.
  • A. Não se devia pagar seguro a todos esses velhinhos desempregados.
  • B. Papai Noel sempre foi chamado de “o bom velhinho”.
  • C. Os velhinhos têm direito a atendimento especial.
  • D. A fila dos velhinhos tem atendimento preferencial.
  • E. Os velhinhos do asilo recebem ajuda da população da cidade.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: