Diferentemente do gráfico de pareto, o método de custeio ...

Diferentemente do gráfico de pareto, o método de custeio ABC (Activity-Based Costing) foi desenvolvido como uma alternativa para suprir a necessidade de reconhecer as diferenças de custos causadas pela complexidade dos processos produtivos e de compreender o efeito dos custos indiretos na apuração dos resultados. A implantação desse método de custeio é dividida em algumas fases ou etapas, dentre elas,
  • A. alocar os custos às atividades e distribuir os percentuais na escala 80-20.
  • B. classificar os produtos (A, B ou C) e alocar os custos por categoria.
  • C. identificar os direcionadores e mapear as atividades.
  • D. relacionar os itens consumidos e calcular o valor acumulado em %.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

Considere que determinada empresa metalúrgica com cem empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), produtora de ferro-gusa e localizada no interior do estado da Bahia, tenha apresentado, em outubro de 2009, os seguintes afastamentos relacionados às questões de saúde.

Dos empregados acima listados, apenas os de n.º 1 e 9 exercem suas atividades em áreas administrativas. Todos os demais atuam diretamente na produção. O empregado n.º 1 teve seu quadro desencadeado por assalto sofrido no fim de semana, fora do ambiente de trabalho.

Com base nessa situação hipotética, julgue os itens de 86 a 101.

Considerando a área de atuação da empresa e os diagnósticos dos empregados afastados em outubro de 2009, é correto afirmar que os funcionários n.º 2, n.º 8 e n.º 11 têm nexo técnico epidemiológico firmado.

Resolva a questão aqui ›


Para Iamamoto (2004, p. 3), a atual desregulamentação das políticas públicas e dos direitos sociais desloca a atenção à pobreza para a iniciativa privada ou individual, impulsionada por motivações solidárias e benemerentes, submetidas ao arbítrio do indivíduo isolado, e não à responsabilidade pública do Estado. Também para Yazbek (2001), o pensamento liberal estimula um vasto empreendimento de “refilantropização do social”, já que não admite os direitos sociais, uma vez que os metamorfoseia em  dever moral: opera, assim, uma profunda despolitização da “questão social”, ao desqualificá-la como questão pública, questão política e questão nacional. Diante desse quadro, as consequências de transitar a atenção à pobreza da esfera pública dos direitos para a dimensão privada do dever moral são:

I. O reforço de ações que assumem a cidadania como fonte principal de poder.

II. A ruptura da universalidade dos direitos e da possibilidade de sua reclamação judicial.

III. A continuidade da prestação dos serviços submetidos à decisão pública.

IV. A tendência a aprofundar o traço histórico assistencialista e a regressão dos direitos sociais.

V. O reforço de traços de improvisação e inoperância nas políticas sociais, como também seu funcionamento ambíguo e sua impotência na universalização do acesso aos serviços dela derivados.

Estão corretos os itens

Resolva a questão aqui ›


Julgue os itens seguintes conforme as prescrições constantes das normas regulamentadoras (NR) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Todo EPI deverá apresentar, em caracteres indeléveis e bem visíveis, o nome comercial da empresa fabricante, seu telefone para suporte técnico, o lote de fabricação e o número do certificado de aprovação (CA).

Resolva a questão aqui ›