Um investigador planeja estudar a relação entre infecção ...

Um investigador planeja estudar a relação entre infecção por clamídia e doença inflamatória pélvica em mulheres usuárias de contraceptivos injetáveis, nas mulheres do ambulatório de doenças sexualmente transmissíveis (com ou sem infecção). No momento da entrevista, ele avaliará o uso de preservativos no último ano (com ou sem exposição). Considerando o desenho desse estudo hipotético e com base nos conhecimentos médicos a respeito da epidemiologia clínica e da vigilância epidemiológica, julgue os itens a seguir. Esse se trata de um estudo descritivo tipo transversal, em que se coletam informações e o desfecho/doença em um grupo de indivíduos, em um ponto fixo de tempo ou em um período específico do tempo. Com esse desenho, podem-se obter informações quanto à razão de prevalência ou de prevalência relativa, porém não se pode distinguir se a exposição ocorreu antes do desenvolvimento da doença, pois a coleta de informações é simultânea durante a entrevista.
  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

O limite de tolerância para ruído contínuo ou intermitente, de acordo com a NR-15, para uma exposição de 2 horas é:

Resolva a questão aqui ›


Com relação a região mamária, julgue os itens de 80 a 85.

A hipertrofia mamilar, que não apresenta relação com o tamanho da mama, inicia-se durante a puberdade e não apresenta tendência familiar.

Resolva a questão aqui ›


Em relação ao caso clínico anterior, a paciente J.B., 34 anos de idade, com vida sexual ativa, com parceiro fixo, nuligesta, e com história de dor pélvica há quatro anos, piorada há um ano, presente mais frequentemente no período menstrual, foi submetida a videolaparoscopia, com diagnóstico final de endometriose profunda, confirmado por estudo histopatológico das lesões retiradas, entretanto, mesmo após um ano da cirurgia, não conseguiu gestar espontaneamente.

 Considerando o caso clínico apresentado e os conhecimentos médicos a ele relacionados, julgue os itens a seguir.

Para esse casal, não é necessário solicitar histerossalpingografia ou espermograma, visto que já está bem definida a causa da infertilidade.

Resolva a questão aqui ›