Com relação a uma curva de frequência de uma distribui...

Estatística - Moda - Fundação Carlos Chagas (FCC) - 2015 - DPE/SP - Agente de Defensoria Pública

Com relação a uma curva de frequência de uma distribuição estatística unimodal, considere as afirmações abaixo:

I. Se a moda for inferior à mediana e a mediana for inferior à média, então esta distribuição é assimétrica à direita.

II. Se a distribuição for assimétrica à esquerda, então isto caracteriza uma curva de frequência leptocúrtica.

III. Se a curva de frequência for platicúrtica, então os dados da distribuição estão fracamente concentrados em torno da moda, caso seja comparado com a curva normal padrão.

IV. Se os dados da distribuição estão fortemente concentrados em torno da moda, então o valor da moda é superior ao valor da mediana e o valor da mediana é superior ao valor da média.

O número de afirmações corretas é

  • A. três.
  • B. quatro.
  • C. duas.
  • D. zero.
  • E. uma.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

A obesidade é uma enfermidade crônica, que se caracteriza pelo acúmulo excessivo de gordura em um nível tal que a saúde esteja comprometida. A obesidade pode ser causa direta de doenças como:

Resolva a questão aqui ›


De acordo com a Lei n.º 8.666/1993, julgue os itens seguintes a respeito de licitações. Considere-se que uma autarquia da Administração Pública Federal deseje contratar uma empresa para realizar obras e serviços de engenharia no valor de R$ 4.000.000,00. Nesse caso, a modalidade de licitação adotada deverá ser a concorrência.

Resolva a questão aqui ›


Uma senhora de 67 anos de idade, branca, procurou atendimento médico informando que, na noite anterior, apresentou episódio de cefaleia com vômitos; após acordar, tendo evoluído com sonolência e dificuldade em manter-se em pé. Relatou ter antecedentes de hipertensão arterial sistêmica de diabetes melito, tromboembolismo pulmonar prévio, e que usa enalapril 20 mg a cada 12 horas, hidroclorotiazida 25 mg por via oral pela manhã, glimeperida 2 mg ao dia, ácido acetilsalicílico (AAS) 100 mg ao dia e coumadin 3 mg por via oral, ao dia. Ao chegar ao pronto-socorro de um hospital terciário, seu exame físico evidenciou: escore de Glasgow 14 (abertura ocular: 4, melhor resposta motora: 6, melhor resposta verbal: 4), estava em bom estado geral, corada, hidratada, anictérica, acianótica, com pressão arterial de 210 mmHg × 130 mmHg e frequência cardíaca = 105 bpm. Murmúrio vesicular fisiológico, sem ruídos adventícios no aparelho respiratório. Aparelho cardiovascular: ritmo cardíaco regular em dois tempos, sem sopros. Abdome globoso, flácido, ruídos hidroaéreos presentes, indolor à palpação superficial e profunda. Membros inferiores: pulsos presentes e normais, sem edema. Exame neurológico: paciente pouco colaborativa, mas aparentemente com deficit de força em dimídio esquerdo, com força de grau II.

Com referência a esse quadro clínico, julgue os itens seguintes.

A presença de deficit neurológico cerebral impõe considerar-se a possibilidade diagnóstica de acidente vascular cerebral (AVC), mas a apresentação clínica não permite diferenciar entre quadro isquêmico (AVCI) e hemorrágico (AVCH).

Resolva a questão aqui ›