Se a coisa recebida em virtude de contrato comutativo ap...

Se a coisa recebida em virtude de contrato comutativo apresentar defeitos ocultos que a tornem imprópria ao uso a que é destinada ou lhe diminuam o valor,

  • A.

    o adquirente decai do direito de obter a redibição ou abatimento no preço, no prazo de um ano, se a coisa for imóvel, contado da entrega efetiva.

  • B.

    a responsabilidade do alienante não subsiste se a coisa perecer em seu poder por vício oculto já existente ao tempo da tradição.

  • C.

    o prazo para o adquirente obter a redibição ou abatimento no preço conta-se da alienação, ficando reduzido a um terço se já estava na posse da coisa.

  • D.

    o alienante sabendo do vício ou defeito da coisa, deverá devolver ao comprador o dobro do que recebeu e o dobro das perdas e danos.

  • E.

    o alienante desconhecendo o vício ou defeito da coisa, deverá devolver ao comprador o valor recebido, as despesas do contrato, além de perdas e danos.

Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

The word huge in “that would be huge savings” (paragraph 1) can be substituted by the word

Resolva a questão aqui ›


Questão de Fonoaudiologia

Paciente com 45 anos, do sexo feminino, refere diminuição auditiva na orelha esquerda, percebida ao acordar. Refere, ainda, zumbido, cujo aparecimento se deu antes da diminuição auditiva. Após avaliação audiológica, foi diagnosticada uma perda auditiva unilateral de grau severo na orelha esquerda. Na avaliação vocal, apresentou LRF (SRT) compatíveis com as médias das freqüências da fala em ambas as orelhas, o IRPF (IRF) alterado na orelha esquerda e normal na orelha direita. Esses sintomas e achados audiológicos caracterizam:

Resolva a questão aqui ›


Assinale a alternativa correta. Na fisiologia da coagulação, além do conhecimento do mecanismo de ação dos fatores de coagulação, é importante conhecer os mecanismos anticoagulantes naturais. A proteína C, neste contexto, apresenta grande importância. Em sua forma ativa, ela inibe o fator:

Resolva a questão aqui ›