Como parar de procrastinar nos estudos?

Diego Monteiro atualmente é servidor público em Brasília e escreve sobre vários temas para concurso público. Já foi aprovado para diversos cargos e no Exame da OAB.

Procrastinar nos estudos

Você costuma pensar que poderia ter utilizado melhor seu tempo estudando e que procrastinar nos estudos tem sido algo frequente na sua rotina? Isso é extremamente comum quando não possuímos uma rotina organizada, não estamos motivados e quando nos distraímos facilmente.

Aqui estão elencadas algumas dicas para você melhorar seu desempenho e utilizar seu tempo de forma útil:

Faça uma lista das suas metas

Para sentir-se mais motivado, é importante lembrar: qual seu objetivo? Por que você precisar estudar? Visualizar suas metas e escrever seus objetivos é essencial para manter o pensamento positivo e não procrastinar nos estudos.

É importante estabelecer não só metas genéricas como metas de curto prazo, também. Muitas vezes o estudante perde o ritmo de seus estudos por não ter uma meta específica, pelo concurso∕vestibular não ter previsão ainda. Na hora de listar suas metas, englobe o número de questões resolvidas (que você pode responder gratuitamente aqui https://www.estudegratis.com.br/questoes-de-concurso), número de acertos das questões e um prazo para terminar de ver o conteúdo para então começar a revisar. Não esqueça de colocar no final o que te motiva a realizar tudo isso: é poder ter estabilidade financeira? Poder fazer o curso dos seus sonhos na faculdade?

E sempre que desanimar, torne a ler sua lista novamente para manter os pensamentos positivos.

Faça um cronograma de estudos realista

Não estabeleça um número de horas que você sabe que não pode cumprir. Para ter uma boa noção do seu tempo, retire da 24 horas do dia todos seus compromissos: trabalho, faculdade, academia, suas horas de sono, tudo que você faz no seu dia. Para dias em que você tem menos tempo para estudar, programe-se para estudar as matérias que você tem mais afinidade ou que são mais curtas, e, portanto, levam menos tempo. Em dias com mais tempo livre, dedique-se às matérias mais difíceis e longas. Procure ter uma agenda cheia.

Quanto mais programamos nossos horários e ficamos atarefados no nosso dia, mais ele rende. Mensalmente repense seu planejamento e veja se consegue intensificá-lo: é fundamental sempre procurarmos aumentar a intensidade dos estudos e também variá-lo, para não cairmos na rotina e procrastinar nos estudos.

Estabeleça recompensas para si mesmo

Continuar firme nos estudos nem sempre é fácil, mas o pensamento positivo é essencial. Dessa forma, ao cumprir uma meta tire um tempo para ler um livro que você gosta, passear em algum lugar ou fazer alguma atividade que você não consegue realizar sempre. Isso evita aborrecimentos com o tempo que você está levando para alcançar seu sonho e que você venha a procrastinar nos estudos por estar desmotivado.

Lembre-se que você está fazendo tudo que pode, merece e está no caminho para o sucesso!

Utilize a internet ao seu favor

Com o fácil acesso à internet e o crescente número de aplicativos e funcionalidades nos nossos meios eletrônicos, procrastinar nos estudos fica muito mais fácil. Quando for estudar, tire do seu alcance todos objetos que podem te ajudar a procrastinar nos estudos: celular, computador (se não usá-lo para estudar).

Atualmente há aplicativos para smartphones que controlam o tempo que você passa nas redes sociais. Fazer uma meta para diminuir o número de tempo nelas pode ser interessante para turbinar ainda mais seus estudos!

Estudos x Lazer

Quando dizem que o comprometimento com os estudos e o lazer não podem andar juntos, não acredite. Apesar das horas de dedicação ao estudo serem importantes, o tempo de descanso é tão importante quanto ele, assim seu cérebro não ficar sobrecarregado com tanta informação.

Portanto, permita-se dormir as horas necessárias de descanso, reserve um tempo para atividades físicas que você goste e passe um tempo com as pessoas ao seu redor. O importante é saber o seu limite nos dois tipos de atividades, e nunca esquecer do seu verdadeiro foco: o estudo!

Lembre-se que a única coisa que separa você dos seus objetivos são suas atitudes! Portanto estude sempre com vontade e dedicação, cerque-se de energias positivas e esforce-se para não procrastinar nos estudos!


Você também pode gostar

Como estudar para Concurso sem Edital Publicado Em um início de ano com tantos editais abertos, muitos concurseiros sentem-se tentados a escolher uma prova para fazer, mesmo que não seja da sua área de estudo, simplesmente para ter um objetivo a curto prazo. Essa decisão pode atrapalhar muito o tr...
Princípios da Administração Pública Os princípios da Administração Pública, como o próprio conceito da palavra exprime, são as diretrizes a serem seguidas por cada ramo do direito. O estudo e a compreensão do alcance dos mesmos é essencial para o concurseiro realizar uma boa prova. ...
Regime de bens no casamento – Direito de família Breve histórico sobre Regime de bens no casamento No Código Civil de 1916 a família era exclusivamente constituída pelo matrimonio. O casamento era indissolúvel, levando a uma união plena de vida e de patrimônio. O regime legal era o da comunhão...
Diferença entre crime e contravenção penal A infração penal é o gênero do qual decorrem duas espécies, Crime e Contravenção. Entretanto, “infração penal”, é um termo genérico, que pode tanto se referir a um “crime” ou a uma “contravenção penal”. Antes de entender efetivamente a Diferenç...
Sentido próprio e sentido figurado das palavras – Denotativo e Conotativo Agora vamos compreender a diferença de sentido próprio e sentido figurado das palavras. As palavras podem ser empregadas em sentido literal ou figurativo. Por esse motivo, elas são divididas em dois grupos: denotativo e conotativo. Sentido Própri...

Deixe uma resposta