Uma empresa possui uma marca de fama mundial, que a poss...

Uma empresa possui uma marca de fama mundial, que a possibilita vender seus produtos a um preço maior do que os dos seus concorrentes, uma vez que seus clientes valorizam a marca como sendo de qualidade, confiança e inovadora. Do ponto de vista contábil, essa marca:
  • A. não tem nenhum valor.
  • B. gerencialmente, não pode ser contabilizada.
  • C. constitui-se num ativo intangível.
  • D. não seria jamais considerada quando da aquisição ou combinação de negócios.
  • E. deve ser depreciada periodicamente.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

A respeito da gestão de instituições de educação superior e corporativa, julgue os itens a seguir.

Segundo dispositivos constitucionais, a autonomia das instituições de educação superior restringe-se às áreas acadêmicas, sendo as gestões administrativa e financeira de responsabilidade do governo federal.

Resolva a questão aqui ›


As válvulas de comporta ou guilhotina (slides valves) são uma variação do tipo de válvula de:

Resolva a questão aqui ›


Uma mulher de cinquenta e sete anos de idade compareceu ao serviço ambulatorial para realizar curativo em úlcera na perna direita. Informou que a primeira úlcera iniciara havia dez anos e que a última recidiva ocorrera havia cinco anos. A paciente já havia sido internada várias vezes por infecção da ferida, tendo feito tratamento para erisipela três meses antes, com penicilina G benzatina intramuscular por trinta dias. No momento do atendimento, a mulher apresentava: pressão arterial de 140 mmHg × 80 mmHg; índice de massa corporal de 28 kg/m2; membros inferiores com edema moderado, 3+/4+, sem cacifo devido ao endurecimento do membro; eczema e descamação intensa da epiderme associados a queixa de prurido, hiperpigmentação e lipodermatoesclerose. Foi detectada a presença de pulso pedial em ambos os membros, mas o pulso tibial não pôde ser detectado, devido ao edema. O índice de pressão tornozelo/braço (ITB) era de 1,1. A úlcera localizava-se na região do maléolo medial direito, com 23,5 cm, superficial, bordas irregulares, recoberta por tecido avascular, amarelo, aderido, de aspecto membranoso. Havia drenagem de exudato seroso, sem odor, com volume moderado, sem sinais clínicos de infecção. A paciente queixava-se de dor moderada, compatível com a classificação 6 na escala de dor de 0 a 10, que cedia com analgésicos.

A respeito desse caso clínico, julgue os itens que se seguem.

Para o primeiro momento de tratamento, indica-se o desbridamento instrumental, seguido de curativo secundário da lesão com sulfadiazina de prata creme e neomicina associadas à bacitracina.

Resolva a questão aqui ›