A halitose pode ser considerada um problema social, com...

A halitose pode ser considerada um problema social, com prevalência relativamente alta na população. Sobre a etiologia dessa afecção bucal, é correto afirmar que:
  • A. o odor desagradável do hálito se origina principalmente de compostos sulfídricos voláteis, especialmente sulfeto de hidrogênio, metilmercaptana e dimetilsulfeto;
  • B. a queilite angular, que acomete pacientes portadores de próteses totais acrílicas é fator etiológico para a halitose;
  • C. a ingestão de álcool resulta na produção de compostos sulfídricos voláteis;
  • D. patologias gastrointestinais como a hérnia gástrica e a esofagite de regurgitação são causas muito frequentes de halitose;
  • E. a diminuição do fluxo salivar (xerostomia) ocorre em decorrência da halitose.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

Complete as opções abaixo com a classificação correta, de acordo com os termos fornecidos:

Classificação

1. parônimas

2. antônimas

3. sinônimas

4. homônimas

Opções

( ) As palavras cauteloso e prudente são…

( ) Infligir e infringir são exemplos de palavras…

( ) Os verbos resistir e ceder são exemplos de palavras…

( ) Em "A casa de Maria" e "A casa do botão " temos um exemplo de palavras…

Assinale agora a alternativa que apresenta a seqüência correta, de cima para baixo.

Resolva a questão aqui ›


Marx afirma que as idéias são determinadas, histórico e socialmente, pelas condições concretas da vida material, embora não representem com fidelidade a realidade social, porque ideologicamente

Resolva a questão aqui ›


A fisiopatologia do diabetes mellitus (DM) tipo 2 envolve fatores genéticos e ambientais. O DM tipo 2 caracteriza- -se por 3 alterações fisiológicas: secreção reduzida de insulina, resistência periférica à insulina e produção hepática excessiva de glicose. Inicialmente, a secreção de insulina é aumentada e depois cai por razões ainda desconhecidas.

Qual das características abaixo está relacionada ao aumento da resistência periférica à insulina?

Resolva a questão aqui ›