Em várias ar...

 

       Em várias armas, a munição utilizada é o cartucho, um dispositivo composto pela cápsula, a espoleta, a pólvora, a bucha e o projétil. A cápsula é um recipiente rígido que acondiciona os demais componentes, sendo geralmente de metal ou de liga metálica. A espoleta, quando detonada, é que inicia a reação de combustão da pólvora, que depois se mantém naturalmente. É constituída, comumente, por estifnato de chumbo, sulfeto de antimônio e nitrato de bário. Várias outras substâncias podem ser encontradas na sua constituição, como o enxofre e o alumínio. Mais raramente, são encontrados cromatos, carbonatos e sulfocianetos. Alguns produtos das reações que provocam o disparo contribuem para a corrosão do cano das armas por serem de elevada acidez. A pólvora é uma mistura sólida de carvão, nitrato de potássio e enxofre que, ao queimar, produz grande quantidade de gases e fuligem.

Com relação aos textos acima e aos conceitos da química relacionados, julgue os itens que se seguem, considerando que os gases produzidos no interior do cartucho comportam-se idealmente.

A variação da energia livre de Gibbs para a combustão da pólvora é menor que zero.

  • C. Certo
  • E. Errado
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Questões extras

Caso clínico: Uma mulher de 31anos queixava-se de cansaço, aumento de peso, constipação e calafrios. No passado, também desenvolveu um aumento da tireóide. Sua língua estava muito pálida e edemaciada. O pulso estava muito fino, profundo e lento.

Sobre o caso clínico descrito, todas as afirmativas estão corretas, EXCETO:

Resolva a questão aqui ›


A respeito do equipamento de proteção individual (EPI), com base na legislação de segurança e higiene do trabalho, julgue os itens seguintes.

Recomenda-se ao eletricista o uso de botina com biqueira de aço para o trabalho com manutenção de linha viva energizada.

Resolva a questão aqui ›