Questões sobre Geral da FEPESE

Economia - Geral - Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE) - 2010 - SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual (Prova 1)

A inflação é um fenômeno monetário que pode ter efeitos reais significativos no curto prazo. Sobre os instrumentos de medida da inflação e seus efeitos reais de curto prazo, pode-se afirmar:
  • A. O efeito Tanzi consiste no aumento de arrecadação tributária à medida que aumenta a inflação e as pessoas passam para alíquotas mais elevadas quando suas rendas nominais aumentam.
  • B. A relação inversa entre inflação e desemprego descrita pela curva de Phillips é uma consequência da inflação de custos (como o choque do petróleo).
  • C. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) é o índice oficial do Governo Federal para medição das metas de inflação.
  • D. Em 2009, devido à valorização do Real, o aumento de preços calculado pelo Índice Geral de Preços (IG-DI) foi maior do que calculado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).
  • E. Inflação pura é aquela em que os preços relativos se alteram como consequência de conflitos distributivos entre trabalhadores e capitalistas.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Geral - Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE) - 2010 - SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual (Prova 1)

Inflação pura é aquela em que os preços relativos se alteram como consequência de conflitos distributivos entre trabalhadores e capitalistas.
  • A. Em ambos os casos, o preço é igual ao custo marginal, de modo que o markup é zero.
  • B. Em ambos os casos, a quantidade produzida é aquela que minimiza o custo total médio.
  • C. Em ambos os casos, a quantidade produzida alcança a escala eficiente, sem qualquer capacidade ociosa.
  • D. Em concorrência perfeita não existem barreiras à entrada de novas firmas, porém em concorrência monopolista há barreiras à entrada devido à forte presença de economias de escala.
  • E. Apesar de produzirem bens diferenciados, o lucro econômico das firmas em concorrência monopolista, assim como em concorrência perfeita, tende a zero.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Geral - Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE) - 2010 - SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual (Prova 1)

Suponha um fluxo circular de renda com quatro setores: famílias, empresas, setor financeiro e governo. O equilíbrio é alcançado quando

S + T = I + G

Onde S é a poupança das famílias, T é o imposto, I é o investimento e G é o gasto do governo.

Com base neste modelo, pode-se dizer que:

  • A. Quando a poupança (S) é maior do que o investimento (I), a economia encontra-se necessariamente em desequilíbrio macroeconômico.
  • B. Se (S + T) for maior do que (I + G), a renda das famílias e o produto da economia crescem, restabelecendo o equilíbrio.
  • C. Se (T – G) é a poupança do governo, então o investimento é maior quanto menor a poupança do governo.
  • D. A tributação é um vazamento no fluxo circular da economia, pois ela reduz o valor corrente da renda, diminuindo os gastos com bens e serviços.
  • E. O setor financeiro injeta na economia, via empresas, poupança, e retira da economia, via famílias, investimento.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Geral - Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE) - 2010 - SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual (Prova 1)

Em uma estrutura de mercado monopolista, é verdadeiro afirmar:
  • A. Se o governo determinar que o monopolista deve vender seu produto a um preço igual ao seu custo marginal, então tal preço será igual ou maior do que o custo total médio do monopolista.
  • B. O prejuízo decorrente do monopólio diz respeito ao fato de que em monopólio a quantidade produzida é inferior ao nível socialmente eficiente.
  • C. O objetivo de uma legislação antitruste é viabilizar os ganhos de escala e o aumento de eficiência obtidos em processos de fusões de empresas.
  • D. O monopólio natural ocorre quando a empresa experimenta economias de escopo e, via estratégias de diferenciação do produto, obtém custos totais médios declinantes ao longo da faixa relevante de produção.
  • E. O preço (P) do monopolista que maximiza seu lucro é igual ao seu custo marginal (CMg), quando este último é também igual à sua receita marginal (RMg) (isto é, P = CMg = RMg).
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Geral - Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE) - 2010 - SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual (Prova 1)

A equação que expressa a restrição orçamentária do governo é dada por

Bt = (1 + r) Bt–1 + Gt – Tt

Onde B é o estoque da dívida pública; r é a taxa de juros real; G é o gasto do governo; T é a tributação; e t e t–1 indicam, respectivamente, o período corrente e o passado.

Neste caso, se dividirmos a equação pelo PIB (Produto Interno Bruto), então podemos afirmar que:

  • A. O crescimento da relação dívida-PIB é menor quanto maior for o crescimento do PIB.
  • B. A relação dívida-PIB é maior quanto menor for o déficit primário.
  • C. A relação dívida-PIB é maior quanto menor for o pagamento de juros incidente sobre o estoque de dívida passada.
  • D. De acordo com a proposta da equivalência Ricardiana, uma redução de tributos no período corrente aumenta o consumo, a demanda agregada e o PIB.
  • E. De acordo com uma visão de equilíbrio fiscal (por exemplo, exigida para membresia à União Europeia), uma razão dívida-PIB elevada tem origem em políticas monetárias expansionistas e na falta de controle sobre a inflação.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Economia - Geral - Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE) - 2010 - SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual (Prova 1)

Sobre a renda ou produto de equilíbrio, em uma economia fechada, é verdadeiro afirmar:
  • A. A redução de tributação expande a demanda agregada e desloca a curva IS para esquerda.
  • B. A curva IS representa o equilíbrio no mercado de bens, e implica um aumento da taxa de juros que estimula o investimento e aumenta o nível de renda da economia.
  • C. O equilíbrio no mercado de bens é dado pela igualdade do investimento com a poupança privada mais o déficit orçamentário do governo.
  • D. Em um esquema IS-LM, uma expansão monetária pode ser compensada, em termos de efeito sobre a renda de equilíbrio, por um aumento do déficit orçamentário do governo.
  • E. Uma operação de venda de títulos públicos aumenta a oferta de moeda da economia e desloca a curva LM para direita.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa correta.

Há um tipo de receita pública estatal onde ocorre o simples ingresso de recursos financeiros. O Estado, portanto, é um simples depositário, uma vez que os recursos nele permanecem temporariamente. Exemplos: operação de crédito por antecipação da receita; consignações; depósitos de terceiros.

A descrição refere-se a:

  • A. receita patrimonial.
  • B. receita extra-orçamentária.
  • C. receita de contribuições.
  • D. transferências correntes.
  • E. receitas de capital.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Dentre os relatórios resumidos da execução orçamentária tem-se o Demonstrativo da Execução das Despesas por Função/Subfunção. Nele, tem-se seis colunas principais que especificam o movimento de determinado período.

Assinale a alternativa correta.

  • A. As colunas principais são: “função/subfunção; dotação inicial; dotação revisada; despesas empenhadas; despesas liquidadas; saldo a liquidar” e o período é o trimestral.
  • B. As colunas principais são: “função/subfunção; dotação inicial; dotação atualizada; despesas empenhadas; despesas liquidadas; saldo a liquidar” e o período é o bimestral.
  • C. As colunas principais são: “função/subfunção; dotação primária; dotação atualizada; despesas empenhadas; despesas liquidadas; saldo a liquidar” e o período é o semestral.
  • D. As colunas principais são: “função/subfunção/ programa; dotação inicial; dotação atualizada; despesas empenhadas; despesas pagas; saldo a liquidar” e o período é o quadrimestral.
  • E. As colunas principais são: “função/subfunção; dotação inicial; dotação atualizada; despesas empenhadas; despesas liquidadas; total a liquidar” e o período é o mensal.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:

Assinale a alternativa que contém a resposta correta.

Tipo de receita pública, na qual as causas são as rendas produzidas por ativos do Poder Público, que uma vez alugados ou aplicados em instituições financeiras admitidas em Lei, produzem ingressos. A aplicação de ativos em atividades econômicas (produção agropecuária, comércio ou serviços) também se enquadra nesta denominação.

  • A. Receita pública derivada.
  • B. Receita ordinária.
  • C. Receita pública originária.
  • D. Receita financeira.
  • E. Receita extra-orçamentária.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão:
Uma empresa com maior relação entre passivos e patrimônio líquido
  • A. está mais alavancada.
  • B. tem menor endividamento.
  • C. tem menores despesas financeiras.
  • D. corre menor risco de passar por dificuldades financeiras.
  • E. terá menor rentabilidade do capital próprio se a rentabilidade do ativo for superior ao custo do passivo.
Clique em uma opção abaixo para responder a questão: