Curso de Receitas para Chá das Cinco

Origem do Chá das cinco

O chá é originário da China e os europeus começaram com esse costume por conta dos portugueses no século XVI. O chá das cinco é um hábito britânico. Mas como tudo começou?

A corte inglesa introduziu essa idéia por causa da princesa portuguesa, Catarina de Bragança, filha de D. João IV, quando ela casou-se com Carlos III, que era da Inglaterra.

Muitos acham que o dote da princesa deve ter sido muito bom, considerados um dos mais ricos e generosos da história. Dizem os historiadores que o dote foi de 500 mil libras de ouro, o livro comércio entre a Inglaterra com as possessões portuguesas na Ásia, África e nas Américas, uma cidade chamada Bombaim e uma caixa de chá. Sim, uma caixinha de chá!

Esse dote foi determinante para a economia da Inglaterra e aquela caixinha iria mudar, definitivamente, os hábitos britânicos. Com isso, o costume em reunir a corte e mostrar as maravilhosas peças de porcelana e prata tornou-se rotina, sempre, às 5h00 da tarde.

Logo, foram criadas as regras de etiqueta para o serviço de chá e receitas que fariam parte do cardápio como: torradas com manteiga, geléia ou mel, scones, muffins, bolos, biscoitos e pães.

No final do século XIX, o chá da tarde já era conhecido no continente europeu, especialmente na França, quando surgiram as grandes casas de chás, onde as damas se reuniam para degustar um delicioso chá e conversar.

As variações do cardápio foram surgindo e assim, além do chá, também era servido café, chocolate quente, petit-four e outros. Até os dias de hoje, ele faz parte da nossa cultura e a cada dia torna-se mais gostoso nas mesas do mundo todo.

Chá

Os chás são classificados em quatro categorias: os verdes, os pretos, os oolongs e os aromatizados. Os chás verdes são uma especialidade da China e do Japão e são obtidos com folhas não fermentadas como o Chao Chen chinês, e o Shincha japonês. Os pretos são feitos com folhas fermentadas.

Os chás do Ceilão como o Orange Pekoe e o Nuwara Eliya; os indianos como o Darjeeling e o Assan, e os chineses como o Keeman e o Yunman têm sabor suave e são bem incorpados. Os chá Oolong, chineses de Taiwan, são considerados finíssimos. O mais conhecido é o Fancy Grade Oolong. Os chás aromatizados são também muito apreciados como o famoso Earl Gray (aromatizado com óleo de tangerina) e o de Jasmim.

Muitos outros sabores conseguidos através de misturas de diferentes procedências, são mundialmente famosos como o Engish Breakfast que é uma combinação de vários chás fortes indianos.

Dicas para o preparo do chá:

Use sempre bule de louça ou metal;

A água deve ser fresca, sem calcário e com o mínimo possível de cheiro de cloro, dê preferência a água mineral natural sem gás;

O bule deve ser escaldado antes de receber água fervendo;

Use uma colher (das de café) de chá para cada xícara de água;

Coloque a água fervendo sobre o chá e deixe em infusão por 5 minutos.

Como preparar o típico chá inglês

A preparação do típico chá inglês segue um ritual que os britânicos conhecem perfeitamente. A conhecida hora do chá, às cinco da tarde, é um costume para muitos na Inglaterra. Se você quer aprender como preparar o típico chá inglês, terá de seguir os seguintes passos.

Necessita:
Uma chaleira
Um bule
Chá preto em folhas e coadores de chá (se não tiver pode utilizar saquinhos de chá)
Xícaras
Leite
Açúcar
Limão

Instruções:
Pegue uma chaleira. Se faz algum tempo que não a utiliza, limpe-a bem porque pode ter restos de pó. Encha a chaleira com água fria. Calcule a quantidade de água que precisará de acordo com a quantidade de xícaras de chá que queira. Aqueça a chaleira no fogo alto. Quando a água começar a ferver, despeje uma pequena quantidade em um bule para que se pré-aqueça. Mexa a água do bule e despeje o resto da água.

Coloque no bule uma colher de chá para cada xícara que queira fazer, mais uma. Para isso, utilize um coador de chá. Coloque a água nas xícaras e deixe repousar durante 4-5 minutos, se você quer um chá suave, ou 9-10 minutos se quer um chá forte. Retire o coador do bule. Sirva o chá com leite, açúcar e limão, para que cada um ponha a quantidade que desejar e já terá conseguido preparar o típico chá inglês.

Se deseja ler mais artigos parecidos a como preparar o típico chá inglês, recomendamos que entre na nossa categoria de Café e chá ou que se inscreva no nosso boletim de novidades.

Conselhos

Tenha cuidado ao beber o chá, já que quando sai do bule sempre está muito quente.

Não deixe o chá muito tempo no bule porque terá um gosto amargo.

Há pessoas que preferem pôr primeiro o leite na xícara e depois servir o chá.

Scones

O scone é um pãozinho redondo de origem escocesa, muito leve, macio e crocante, indispensável para acompanhar uma perfumada xícara de chá. Deve ser servido quente, recheado com manteiga ou com sua geléia favorita.

Ingredientes (para 8 unidades):
230g de farinha de trigo com fermento
uma pitada de sal
40g de açúcar
40g de manteiga sem sal
1 ovo
140ml de leite

Modo de fazer:
Peneire a farinha e o sal numa tigela. Adicione o açúcar e misture bem. Acrescente a manteiga bem gelada, picada e misture com as pontas dos dedos para unir bem bem a massa (tipo uma farofinha).

Acrescente o ovo batido com o ovo e continue misturando até formar uma bola. Abra a massa, usando um pouco de farinha até que fique com uns 2 cm de altura. Corte em círculos de aproximadamente 6 cm. Asse imediatamente em forno médio por 12 a 15 minutos. Depois de firos, podem ser congelados por 1 mês.

Macarons

Ingredientes:
280 gr de açúcar de confeiteiro
160 gr de farinha de amêndoas
130 gr de clara de ovo
30 gr de açúcar

Modo de preparo: Peneire juntos o açúcar de confeiteiro e a farinha de amêndoas. Bata as claras com o açúcar até obter um suspiro firme. Misture delicadamente o corante desejado: rosa para framboesas, verde para pistache e café líquido para o sabor café. Aos poucos e com delicadeza, incorpore à mistura peneirada.

Coloque uma folha de silpat sobre uma assadeira e apóie essa assadeira sobre outra menor. Com um saco de confeitar e bico liso médio, pingue a massa sobre a folha de silpat, com distância de 5cm entre os macarons.

Leve imediatamente ao forno pré-aquecido, moderado (220ºC) durante 10 minutos. Retire a assadeira de baixo e asse mais 5 minutos. Retire e deixe esfriar. Com espátula, retire os macarons da assadeira e recheie com geléia ou doce de sua preferência.

Cupcakes

Ingredientes:
1 colher (sopa) de baunilha – 12ml
1 colher (sopa) de fermento em pó – 12g
220ml de leite
4 ovos
350 gramas de açúcar refinado
220 gramas de margarina sem sal em temperatura ambiente
350 gramas de farinha de trigo peneirada
2 gramas de sal

Instruções:
Na tigela da batedeira coloque açúcar refinado e a manteiga em temperatura ambiente e bata até ficar no ponto esbranquiçado. Adicione os ovos um a um com a batedeira ligada e bata. Em outra tigela, adicione a baunilha no leite e reserve. Em outra tigela coloque a farinha de trigo sem fermento mais o fermento em pó e o sal misture.

Adicione a massa do cupcake, um pouco da farinha e um pouco do leite e misture levemente. Adicione o restante da farinha e do leite. Mexa levemente e a massa estará pronta

Quando a massa ficar homogênea, é a hora de preencher as forminhas. Coloque as forminhas de papel posicionadas sobre as de alumínio e preencha até a metade com a massa.

Leve ao forno pré-aquecido por cerca de 25 minutos, mas verifique de tempos em tempos, pois o tempo pode depender de forno para forno.

A receita acima é a massa básica do cupcake, depois de pronto, você pode incrementá-lo com diversas coberturas e recheios. Confira algumas dicas:

Recheio: O recheio poderá ser de brigadeiro, geléia, cremes, doce de leite, etc. Para rechear basta furar o bolinhopronto, colocar o recheio e tampar com a própria massa retirada.

Cobertura: A cobertura também pode ser feita em diversos sabores, como: brigadeiro preto e branco, chantilly branco ou colorido, etc. Para finalizar poderá usar chocolate granulado, coco, confeitos coloridos, confete de chocolate, pedaços de frutas, etc.

Muffins

Ingredientes:
1 xícara de margarina
1 ¼ xícara de açúcar
1 ovo
1 colher de café instantâneo
1 colher de água
1 colherinha de extrato de baunilha
2 ¼ xícara de farinha de trigo
¼ colherinha de sal
2 colherinhas de fermento em pó
1 xícara de flocos de chocolate semi-amargo

Modo de preparo:
Pré-aqueça o forno a 175ºC.

Coloque a margarina, o ovo, o açúcar, o café e a baunilha em um processador de alimentos, processando até integrar todos os ingredientes e formar um creme. Depois adicione a farinha de trigo, o sal e o fermento em pó, e processe até integrar.

Coloque a massa em uma tigela e adicione os flocos de chocolate, mexendo bem com uma colher de pau. Depois, comece a colocar a massa em forminhas de muffins alinhadas em uma forma. Mas cuide de não encher as formas com massa, pois ela irá crescer.

Asse os muffins de chocolate durante 25 minutos, até que fiquem dourados. Depois deixe esfriar bem antes de servir.

Brioche

São pãezinhos franceses muito tradicionais e delicados, ricos em manteiga e ovos e têm uma aparência muito particular: São redondos, canelados com um chapeuzinho em cima.

Ingredientes (para 24 unidades):
250g de farinha de trigo
1 colher de café de sal
4 colheres de sopa de açúcar
200g de manteiga sem sal a tpa
2 a 3 ovos
10g de fermento fresco
½ colher de sopa de leite
1 gema de ovo
2 colheres de sopa de café

Modo de fazer:
Dilua o fermento no leite morno e ponha no liqüidificador junto aos ovos, o sal, e açúcar e a manteiga. Acrescente a farinha aos poucos e bata até obter um creme liso que desgruda do copo. Cubra a massa posta numa bacia até dobrar de volume. Amasse, cubra novamente e leve à geladeira até dobrar de volume outra vez. Faça bolinhas e ponha nas forminhas, não esquecendo o chapeuzinho.

Pincele com a gema e o café, e abafe e deixe crescer mais uma vez. Asse por 35 minutos e sirva quente. Congela muito bem.

Quiche Lorraine

É uma torta clássica da cozinha francesa, inspirada no küchen (bolo alemão). Sua origem data do século XVI, na cidade de Lorraine. Tratava-se de uma torta aberta à base de creme de leite fresco, ovos, bacon, bem temperados

Ingredientes para a massa:
200g de manteiga sem sal gelada
2 xícaras de farinha de trigo
½ colher (chá) de sal
1 ovo
2 colheres de sopa de creme de leite de caixinha

Modo de fazer:
Fazer uma farofa com a manteiga, a farinha e o sal. Juntar o ovo ligeiramente batido e o creme de leite. Juntar tudo com as mãos e gelar por 30 minutos. Abrir a massa, entre dois plásticos, com o rolo e forrar uma forma de quiche de 25 cm e reservar.

Ingredientes para o recheio:
150g de bacon
150g de queijo gruyère
4 ovos
1 ½ xícara de creme de leite fresco
sal, pimenta do reino e noz moscada

Modo de fazer:
Corte o bacon, escalde por 5 minutos e frite até ficar bem dourado. Bata no liqüidificador o creme de leite, os ovos e os temperos. Espalhe o bacon no fundo da forma, cubra com o queijo gruyère ralado grosso, e despeje a mistura liqüidificada. Asse por cerca de 45 minutos à uma temperatura de 150ºC. Sirva imediatamente.

Pain au Chocolat

É um pãozinho retangular, de origem vienense, feito com massa de croissant recheada com chocolate. É servido frio.

Ingredientes (para 12 unidades):
2 xícaras de farinha de trigo
2 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de chá de fermento seco (de envelope)
¾ de xícara de leite
1 colher de sopa de manteiga sem sal
100g de margarina folhada
90g de chocolate meio amargo picado
1 gema
2 colheres de sopa de café

Modo de fazer:
Amorne o leite com a manteiga sem sal. Junte o açúcar e mexa bem. Peneire a farinha de trigo com o sal, junte o fermento e adicione o leite morno. Misture bem até ficar macio. Deixe descansar, numa tigela grande coberta, até triplicar de volume. Amasse novamente e deixe descansar até dobrar de volume. Amasse e abra a massa com um rolo até ficar com 1 cm aproximadamente de altura.

Passe a margarina folhada em toda a superfície da massa, dobre sobrepondo uma ponta sobre a outra. Abra novamente a massa e sobreponha as pontas outra vez. Repita essa operação. Guarde a massa em um saco plástico e leve à geladeira por cerca de uma hora. Corte pedaços da massa e abra em retângulos de aproximadamente 4 x 8 cm.

Salpique com chocolate e enrole como rocambole de maneira que fique com 4 cm de comprimento. Pincele os pãezinhos com a gema e o café misturados e deixe dobrar de tamanho. Asse em forno médio por cerca de 20 minutos.

Croque-Monsieur

Conta-se que o primeiro Croque-Monsieur foi servido no verão de 1910, num bar inglês chamado Le Trou dans le Mur, que ficava no boulevard des Capucines, em Paris. De inspiração anglo-saxônica, este sanduiche recebeu diversas “leituras” e passou a ser a sensação dos cafés e dos dos snacks-bars da época.

Ingredientes (para um sanduiche):
manteiga
2 fatias de pão petrópolis (pão de forma)
2 fatias de presunto cozido
queijo gruyère ralado

molho bechamel:
125 ml de leite
125 ml de creme de leite fresco
1 colher de sopa de farinha de trigo
1 colher de sopa de manteiga
sal, pimenta do reino e noz moscada

Modo de fazer (molho bechamel):
Doure a manteiga, junte a farinha de trigo e mexa até desmanchar bem. Junte o leite com o creme de leite e mexa até engrossar. Tempere com sal, pimenta do reino e noz moscada. Reserve.

Montagem do sanduiche:
Faça um sanduiche normal com as duas fatias de pão e o presunto. Passe manteiga na parte externa do pão e leve ai grill para assar. Quando pronto retire o sanduiche, regue com o bechamel, espalhe o queijo gruyère sobre ele e leve à gratinar.

Madeleines

Segundo a lenda, estas apetitosas conchas da pâtisserie, imortalizadas por Proust, tiveram sua origem na pequena vila de Commercy, na região de Lorraine, na França. Uma camponesa chamada Madeleine, fabricava seus bolinhos em conchas e o soberano gourmand, Stanislas Leszcynski, em visita ao castelo de commercy em 1775, apreciou tanto que batizou-as com o nome de sua criadora. Logo as madeleines ganharam o coração de Versailles e depois Paris.

Ingredientes (para 40 unidades):
6 ovos
400g de açúcar
450g de farinha de trigo
375g de manteiga sem sal
2 colheres de chá de fermento em pó
2 colheres de sopa de água de flor de laranjeira (pode substituir por uma colher de chá de raspas de laranja)
1 pitada de sal

Modo de fazer:
Bater a manteiga juntando o açúcar aos poucos até que fique bem cremosa. Acrescente aos poucos a farinha peneirada com o fermento e o sal, misturando bem. Junte os ovos 1 a 1 mexendo bem a massa. Finalize com a água de flor de laranjeira ou a raspa de laranja. Unte forminhas próprias para madeleines e polvilhe com farinha. Encha-as com a mistura e leve ao forno médio por cerca de 5 minutos. Depois de frias são conservadas em latas bem tampadas por uma semana.

Petit four de nozes

Pequeno biscoito, bolo ou item da confeitaria De acordo com Carême, sua origem data do século XVIII, quando eram servidas pequenas guloseimas que deviam ser cozidas à baixas temperaturas (à petits fours).

Ingredientes:
125g de manteiga
125g de açúcar
1 ovo
125g de amido de milho
150g de farinha de trigo
1/8 de colher de sopa de fermento em pó
150g de nozes processadas

Acabamento:
600g de açúcar glacê
125 ml de suco de laranja coado
150g de metades de nozes

Modo de fazer:
Peneire a farinha, o amido de milho e o fermento. Misture a manteiga o açúcar e o ovo, juntando aos ítens peneirados. Acrescente as nozes processadas e amasse tudo para homogeneizar. Abra a massa com um rolo e corte os biscoitos com um cortador canelado. Asse por cerca de 15 minutos, em forno baixo, e deixe esfriar. Junte o açúcar de confeiteiro com o suco de laranja e cubra os biscoitos. Ponha uma metade de noz em cada um.

Bolo Inglês

É um bolo tradicional da doçaria inglesa.

Ingredientes:
250g de farinha de trigo
250g de açúcar
200g da manteiga
1 colher de sopa de fermento em pó
6 ovos
¼ de xícara de rum
50g de passas sem semente
100g de frutas cristalizadas

Modo de fazer:
Deixe as frutas de molho no run por 2 horas. Bata bem a manteiga com o açúcar e as gemas. Acrescente as claras batidas em neve. Junte a farinha peneirada com o fermento aos pouco, as passas, as frutas e o run. Leve ao forno em forma de bolo inglês untada e polvilhada pré aquecido a 200ºC.

Chocolate quente à francesa

Ingredientes para 6 pessoas:
250g de chocolate meio amargo picado
150ml de creme de leite fresco
750ml de leite integral

Modo de fazer:
Derreter o chocolate com o creme de leite em banho-maria. Juntar o leite fervendo. Misturar bem e servir.

Chá gelado de maçã

Uma maneira muito usada pelos americanos de servir chá é o Iced Tea

Ingredientes:
4 saquinhos de chá preto
4 xícaras de água fervente
1 colher de sopa de mel (opcional)
2 xícaras de suco de maçã gelado
4 rodelas de limão
canela em pó

Modo de fazer:
Coloque os saquinhos de chá num bule, cubra com água fervente e deixe em infusão por 5 minutos. Retirar os saquinhos, acrescentar o suco de maçã e levar para gelar ou colocar cubos de gêlo. Servir em copos altos com uma rodela de limão e uma pitadinha de canela em cada copo. Serve 4 porções.

 

Fotos para se inspirar

 

 

 

Estude Grátis é uma simples e poderosa ferramenta que lhe ajudará a passar nos melhores Concursos Públicos. São milhares de Questões de Concurso para você filtrar e estudar somente aqueles temas que estão especificados em seu Edital.

Estude Grátis © 2017 - Desde 2011